logo

sábado, 14 de março de 2015

[esporte] Hoje é a final da Copa LA, você não pode perder!

Ocorrerá hoje a final da Copa Leikson Albuquerque em Apodi. O campeonato que iniciou com 16 equipes do Médio Oeste Potiguar, finaliza o campeonato entre Rodolfo Fernandes e Cohab, duas grandes equipes que disputam conquistar a taça.

O jogo ocorrerá no Ginásio Wilson Custódio em Apodi a partir das 19:00 horas. Não Perca! O ingresso custa apenas 2 reais.

[educação] Cursinho Pró-IFRN 2015

A partir de segunda-feira, dia 16, estarão abertas as inscrições para o Cursinho que mais aprova alunos para IFRN Campus Apodi, o PróIFRN. 

Venha ter a certeza que seu nome estará na lista dos aprovados em 2016. Professores qualificados pelo próprio Instituto.

DISCIPLINAS

Matemática (prof. Givanilson); Português (prof. Luiz Carlos) e Redação (profa. Mirna Morais)
Local das Aulas – UNIP (por trás do Ginásio Esportes Vilson Custódio)
Início das Aulas: 23/03/2015
Horário: 19h às 21h.

Maiores Informações: 
Professor Givanilson (9152-1081/9663-9494)

Venha participar da nossa aula inaugural no dia 20 de março no auditório da Escola Antonio Dantas a partir das 19h.

[cotidiano] Indiana cancela casamento após noivo errar questão de matemática

Segundo o pai da noiva, a família do homem tinha tentado esconder a escolaridade do filho

Uma indiana desistiu do casamento após o pretendente não conseguir responder uma pergunta simples de matemática. Durante a cerimônia, Lovely Singh pediu para o noivo resolver a questão '15+6', segundo o jornal britânico Independent.

Ele respondeu 17 e o casamento arranjado (como geralmente é na Índia) foi por água abaixo.

A família de Ram tentou convencer a noiva a não cancelar a cerimônia, mas o pai da noiva, Mohar Singh, apoiou a decisão, declarando em entrevista para a BBC que a família do rapaz havia mentido sobre a escolaridade dele. "Um aluno de primeira série consegue resolver esta questão", disse Mohar.

[segurança] Nem funerária escapa da ação dos assaltantes em Macaíba


A onda de assaltos na cidade de Macaíba, na região metropolitana de Natal insiste em vitimar comerciantes do centro da cidade.

Foi na tarde dessa quinta-feira, que outra funerária foi alvo de uma ação criminosa. Funcionários disseram que um homem armado com uma faca entrou dentro do estabelecimento, que fica localizado na rua Nair Mesquita, no Centro, rendeu um funcionário e conseguiu levar mais de R$ 1,600 reais em dinheiro.

O assalto ocorreu por volta das 17 horas e o bandido fugiu com destino ignorado.
Fonte: Jornal de Hoje

[economia] Depois da energia, água e gasolina, agora é a vez do pão francês


Depois de sofrer um aumento no final de fevereiro, um dos principais itens do café da manhã do brasileiro está prestes a ser reajustado novamente. Além da alta do dólar, que ultrapassa os R$ 3, o valor do pão francês também sofre influências do aumento do preço da energia elétrica e do óleo diesel.

Para alguns proprietários de panificadoras ainda não é hora de promover mais uma mudança no valor do quilo do pão, mas sim de aguardar modificações no cenário econômico.
Fonte: Diário de Pernambuco

[política] Deputado Bolsonaro apresenta o pedido de impeachment de Dilma

Requerimento foi apresentado nesta quinta-feira à Câmara e cita negligência diante de desvios. Por ora, processo tem poucas chances de avançar


O deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ) protocolou nesta quinta-feira na Câmara um pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff. É a primeira vez que um parlamentar toma essa atitude na gestão da petista. O documento afirma que a presidente “tem proporcionado a destruição do Estado brasileiro” e cita episódios diversos, como o petrolão, o empréstimo para a construção do Porto de Mariel, em Cuba, a suspeita de uso dos Correios na campanha pela reeleição e as mentiras transformadas em estratégia eleitoral em outubro passado.

[segurança] Tensão: Em apenas três dias, RN já enfrenta a quarta rebelião consecutiva de detentos

Foto: José Aldenir
A Secretaria de Justiça e Cidadania do Rio Grande do Norte criou um gabinete de crise, em alerta devido aos motins deflagrados nos presídios do Estado desde a última quarta-feira (11). Foram pelo menos quatro atos em três unidades. Os diretores do Centro de Detenção Provisória estão apreensivos. Segundo os presos do Presídio Provisório Raimundo Nonato, que se rebelaram mais uma vez na manhã de ontem (13), a ordem vem do “sindicato do crime do Rio Grande do Norte”, cujo comando fica em na Penitenciária de Alcaçuz – a maior do estado – localizada em Nísia Floresta, na região metropolitana de Natal.

O secretário de Justiça e Cidadania, Zaidem Heronildes, passou a manhã em reunião para tentar resolver o problema e não concedeu entrevistas. “Ontem já estivemos com o governador para tomarmos algumas decisões. A situação está se espalhando pelo Estado e peço a compreensão porque estamos concentrados agora na resolução desse problema”, disse por telefone.

Apesar de não haver confirmações oficiais, os agentes afirmam que os detentos receberam ordens. O diretor do Raimundo Nonato, Eider Pereira de Brito, contou que essa foi a razão apresentada pelos detentos do Pavilhão A da unidade para o motim realizado na manhã de hoje. “Eles disseram que veio do comando que fica em Alcaçuz”, disse. Questionado qual seria a organização criminosa por trás da ação, ele contou que os presos a atribuíram ao “Sindicato do RN”.

Na manhã de ontem os presos do Presídio Provisório Raimundo Nonato retomaram uma rebelião que haviam começado ontem. De acordo com o diretor da unidade, apesar de apenas um pavilhão, o “A”, ter feito o motim, a violência dos apenados foi muito maior. “São 171 presos. Eles terminaram de quebrar as grades que não tinham sido quebradas ontem. Também quebraram as camas (de concreto) e ficaram jogando pedras contra os agentes. Uma por pouco não atingiu meu rosto”, explicou Eider. Os presos também atearam fogo nos colchões e bloquearam a entrada com grades.

Eles ainda tentaram fugir usando uma “teresa” – corda feita com panos – mas a ação foi abortada pelos agentes. “Nós estávamos tentando negociar e eles pediram um tempo para discutir. Mas os agentes viram que eles jogaram uma teresa. Como ele não nos atenderam e ainda tentaram fugir, autorizei a entrada do GEP [Grupo de Escolta Penitenciária] e retomamos a ordem”, contou o diretor. Ninguém ficou ferido.

Segundo o diretor do GEP, o agente Luciano Lins, o grupo formado por 30 agentes tem trabalhado desde a última quarta na contenção dos motins. Ele ainda revelou que informações preliminares, ainda não confirmadas, dariam conta de que presídios no interior do Estado. “Os diretores e todos os CDP’s (Centros de Detenção Provisória) estão apreensivos”, relatou.

Primeira reação do governo é afastar diretores de presídios

A única decisão do Governo externada até o momento é controversa. O Diário Oficial trouxe a exoneração do diretor da PEP, Durval de Oliveira Franco. No meio da manhã, o Sindicato dos Agentes Penitenciários enviou nota contra a exoneração da diretora Dinorá Simas e do Presídio Rogério Coutinho Madruga, Júnior Rossato. Os diretores teriam sido informados da decisão da Sejuc durante a manhã, porém ainda não houve publicação oficial.

Dinorá lamentou o fato e disse que não vai negociar com presos. Na nota enviada pelo sindicato, os agentes afirmam que “a medida abre um precedente e pode comprometer a segurança nas unidades prisionais”. Além disso, “os agentes penitenciários estão se sentindo abandonados e traídos pelo Governo do Estado, pois têm feito todo esforço possível para manter a ordem no Sistema Penitenciário e, ao invés de receberem valorização e apoio, veem o Estado atender ao que pedem os presos”.

“Nada foi oferecido pelo Governo para que nós desenvolvêssemos nosso trabalho da maneira correta, bem como em nenhum momento os diretos humano foram até o servidores para saber de suas necessidades e de como é estar sob o risco de morte a todo momento, dentro de uma penitenciária”, disse na nota.
Fonte: Jornal de Hoje

[cotidiano] Cliente tem fotos vazadas e loja de eletrônicos é investigada

A Polícia Civil de Pau dos Ferros cumpriu, nesta sexta-feira (13), um mandado judicial de busca e apreensão em uma loja de vendas e consertos de aparelhos eletrônicos na cidade. 

O trabalho faz parte de uma investigação, e tem como objetivo colher maiores informações sobre o vazamento recente de fotos íntimas de uma cliente.  

Segundo ela,  em depoimento na delegacia de polícia local, várias fotos íntimas vazaram nas redes sociais, após deixar o aparelho delular no estabelecimento. 

Afim de proteger a intimidade da vítima, foi expedida uma medida judicial para a apreensão de todos os eletrônicos da loja. 

O caso está sendo investigado pelo titular da Delegacia de Polícia Civil de Pau dos Ferros,  Inácio Rodrigues de Lima Neto.
Fonte: Mossoró Hoje

[política] Deputados vão acompanhar ações de enfrentamento a seca no RN


A proposta para a criação de uma comissão legislativa com a finalidade de coordenar e articular as ações de combate à seca ganhou destaque durante audiência pública promovida pela Assembleia Legislativa nesta sexta-feira (13).

A ideia, sugerida pelo deputado e presidente da Casa, Ezequiel Ferreira (PMDB), foi anunciada pelo parlamentar durante o evento que reuniu autoridades e especialistas nas áreas de meio ambiente e recursos hídricos.

“A ideia é que alguns deputados se dediquem ao assunto através de um debate intenso sobre os projetos que promoverão a convivência com a seca, apresentação de projetos que possam contribuir decisivamente para amenizar o drama do povo e ainda a fiscalização dessas ações”, disse Ezequiel Ferreira.

A audiência pública proposta pelo deputado Hermano Morais (PMDB) teve como pauta a apresentação dos projetos e ações do governo estadual para o enfrentamento aos efeitos da seca no Rio Grande do Norte.

O Estado registra hoje 152 municípios em situação de emergência, sendo 11 em colapso no abastecimento.

Representando o Governo do Estado, o secretário de recursos hídricos e meio ambiente, José Mairton França, destacou que o governo vem desenvolvendo ações emergenciais para minimizar os efeitos da seca nos municípios afetados.

“Estamos trabalhando dentro do plano de combate elaborado pelo Governo com medidas de curto, médio e longo prazo. As ações emergenciais que estamos desenvolvendo nesse momento contemplam a perfuração de poços, a ampliação e conclusão de sistemas adutores e a disponibilização de carros pipas, entre outras medidas”, afirma Mairton.

Também presente no evento, o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado (Faern), José Vieira, cobrou do governo a adoção de medidas para evitar o endividamento dos produtores rurais e a retomada do pagamento da Lei Kandir, que isenta do tributo ICMS os produtos e serviços destinados à exportação.

“Queremos continuar produzindo, gerando renda e fortalecendo a economia do interior do Estado”, comentou José Vieira.

O deputado Hermano Morais (PMDB) avaliou que as ações anunciadas pelo governo precisam ser adotadas com a maior brevidade possível.

“Iremos acompanhar e fiscalizar a execução das medidas anunciadas pelos representantes do Governo para evitar que mais municípios entrem em colapso”, disse Hermano.

Participaram da audiência o senador Garibaldi Alves Filho (PMDB), o deputado federal, Rafael Mota (PROS), os deputados estaduais Tomba Farias (PSB), Raimundo Fernandes (PROS), Fernando Mineiro (PT), Álvaro Dias (PMDB) e Carlos Augusto Maia (PTB), representantes da Emparn, Semarh, Caern, Idema, Sape, Dnocs, Femurn, Ufrn e Faern.

[cotidiano] Em Natal, homem vai tirar certidão de antecedentes criminais e é preso

Um homem foi preso pela Polícia Federal na manhã desta sexta-feira (13), em Natal, quando se dirigiu à sede do órgão para solicitar uma certidão de antecedentes criminais. Ao consultar o Sistema Nacional de Procurados e Impedidos (Sinpi), os policiais constataram que existia uma ordem de prisão de 2013 por crime de estelionato e deram voz de prisão.

Após receber voz de prisão, o suspeito realizou exame de corpo de delito no Instituto Técnico-Científico de Polícia e, em seguida, foi transferido para o Centro de Detenção Provisória de Pirangi, onde permanecerá sob custódia à disposição da Justiça.
Fonte: G1

sexta-feira, 13 de março de 2015

[saúde] Médicos realizam o primeiro transplante de pênis bem sucedido no mundo

Médicos sul-africanos anunciaram nesta sexta-feira (13) o primeiro transplante de pênis bem sucedido da história da medicina.

O paciente de 21 anos havia perdido o órgão em 2012, após complicações durante uma cirurgia de circuncisão. Depois de nove horas de procedimento, os médicos da universidade de Stellenbosch afirmam que o pênis transplantado está "completamente funcional".

"Provamos que isso pode ser feito, demos a alguém um órgão tão útil quanto aquele que ele tinha antes", afirma Frank Grawe, diretor do departamento de cirurgia plástica da universidade. Os médicos esperam que o paciente consiga usar totalmente o órgão transplantado em até dois anos.

"Os heróis disso tudo são o doador e sua família. Eles salvaram a vida de muitas pessoas pois doaram o coração, pulmões, rins, fígado, pele, córnea e até o pênis", afirma o cirurgião Andre Van der Merwe, que liderou a equipe do procedimento, que aconteceu em dezembro.

Essa foi a segunda tentativa de transplante de pênis realizada no mundo. Em 2006, um procedimento semelhante teve que ser revertido na China, após o paciente sofrer problemas psicológicos após a operação.
Fonte: Info

[cotidiano] Advogado do Facebook se reúne com juiz que mandou tirar WhatsApp do ar no Brasil


Em fevereiro deste ano, um juiz do Piauí determinou que o WhatsApp deveria ser tirado do ar por não responder às solicitações de informações para a investigação de um caso ligado a Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente. Quase duas semanas após a medida ser derrubada pelos desembargadores Raimundo Nonato da Costa Alencar e José Ribamar Oliveira, o advogado do Facebook se reuniu com o juiz da Central de Inquéritos de Teresina, Luiz de Moura Correia, que pediu a suspensão do aplicativo no Brasil.

De acordo com o Tribunal de Justiça, o juiz foi o interlocutor deste que foi o primeiro encontro entre as partes desde o polêmico pedido da Justiça Estadual. Na manhã da última quinta-feira (12), João Azeredo, junto com o delegado Daniel Pires, do Departamento de Inteligência da Polícia Civil, discutiram "os pontos de vista legal e logístico a possibilidade de cooperação" mútua. O juiz vê o encontro como “um aceno de boa vontade”.

As partes chegaram a um denominador comum: “precisa haver uma adequação à legislação brasileira que possibilite um canal de comunicação permanente, onde possa existir uma efetiva ajuda entre ambos”, segundo o TJ.

O Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br), se posicionou contra a decisão do juiz, em fevereiro, dizendo que “o combate a ilícitos na rede deve atingir os responsáveis finais e não os meios de acesso e transporte, sempre preservando os princípios maiores de defesa da liberdade, da privacidade e do respeito aos direitos humanos”.
Fonte: Info

[segurança] 'Atenderam os presos', dizem agentes sobre saída de diretores de presídios

Dinorá Simas, diretora de Alcaçuz, foi comunicada do afastamento nesta 6ª. Júnior Rossato, do Presídio Rogério Coutinho Madruga, também foi afastado.

Diretora da Penitenciária de Alcaçuz foi afastada do cargo (Foto: Marksuel Figueredo/Inter TV Cabugi)
Em nota publicada na manhã desta sexta-feira (13), o Sindicato dos Agentes Penitenciários do Rio Grande do Norte (Sindasp) lamentou a atitude do governo do Rio Grande do Norte de afastar os diretores da Penitenciária Estadual de Alcaçuz e do Presídio Rogério Coutinho Madruga, Dinorá Simas e Júnior Rossato, respectivamente.

De acordo com Júnior Rossato, ele e Dinorá foram comunicados pelo titular da Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejuc), Zaidem Heronildes, sobre a saída de ambos em reunião realizada no gabinete do secretário na manhã desta sexta-feira (13).

De acordo com o Sindasp, o governo "atendeu aos pedido dos presos" e a medida "abre um precedente e pode comprometer a segurança nas unidades prisionais". “Dinorá será exonerada porque os presos se queixaram de grande opressão, tendo em vista que eram feitas revistas periodicamente nas celas para verificar as ações dos detentos, coibindo fugas e uso de aparelhos como celulares ou drogas”, afirma Vilma Batista, presidente do Sindasp/RN.

Segundo ela, os agentes penitenciários estão se sentindo "abandonados e traídos" pelo Governo do Estado, pois têm feito todo esforço possível para manter a ordem no sistema penitenciário e, "ao invés de receberem valorização e apoio, veem o Estado atender ao que pedem os presos".

Na última quarta-feira (11) os presos de Alcaçuz se rebelaram e pediram a saída da diretora. Na quinta-feira (12) houve rebelião no Centro de Detenção Provisória da Zona Norte de Natal, no Presídio Provisório Raimundo Nonato e na Penitenciária Estadual de Parnamirim (PEP). Já na manhã desta sexta-feira (13) os presos do Presídio Provisório Raimundo Nonato iniciaram um novo motim e foram contidos por volta das 10h.
Fonte: G1

[humor] Garota de programa foge ao descobrir que cliente era o marido


Querendo ganhar dinheiro, uma mulher casada que mora em Blumenau, interior de Santa Catarina, resolveu virar garota de programa. Para tentar conseguir clientes ela publicou anúncio no jornal, com nome e celular diferente, para o marido não desconfiar. A primeira ligação ocorreu justamente no horário de trabalho do marido, motivo para ela pular de alegria e correr para os braços do primeiro cliente, já pensando na grana que iria ganhar. 

Mas o primeiro cliente foi justamente o marido, que viu o anúncio nos Classificados do jornal e telefonou, sem saber que se tratava da sua esposa. 

O encontro foi marcado em um galpão abandonado. O cliente foi exigente pedindo para que a garota entrasse no local seminua. Quando a mulher chegou ao local, que tirou parte da roupa e entrou no galpão, viu que o cliente era o seu marido e começou a confusão. 

O marido – quase traído – correu atrás da sua esposa, com um pedaço de ferro na mão, mas ela foi mais rápida, pulou várias cercas, e conseguiu escapar. 

Ao conversar com a repórter do G17, Silvana Souza Sinara Silva, a mulher lamentou o episódio admitindo ser muito azarenta, e disse que não serve sequer para ser garota de programa. “Outra vez tentei conseguir um amante pela Internet mas o cara era o meu pai. Nunca tive sorte na vida”, contou a nossa repórter. 
Fonte: G17 é um site de humor e as publicações são fictícias, piadas sem qualquer fundo de verdade, produzidas para fins de entretenimento dos leitores.

[cotidiano] Plantão: Homem faz enteado refém dentro de apartamento na Zona Sul de Natal


Um homem mantém o enteado de 14 anos refém dentro de um apartamento em Capim Macio, na Zona Sul de Natal, desde as primeiras horas desta sexta-feira (13). A polícia está no local e negocia a rendição do homem. De acordo com a PM, foram disparados seis tiros no apartamento durante a noite. O caso teria começado com uma discussão entre o homem e uma enteada de 21 anos na noite desta quinta (12). Ela conseguiu sair do apartamento antes que ele fizesse o irmão dela refém.

Ainda de acordo com informações da Polícia Militar, o homem é um agente penitenciário aposentado e tem 52 anos. A PM não sabe a motivação para o cárcere privado, mas informou que o homem pede a presença da esposa e da enteada no local. Na manhã desta sexta-feira todo o prédio foi evacuado e apenas o apartamento onde está o homem e o enteado continua ocupado. A água, energia e o gás do apartamento foram cortados.

Segundo um morador do prédio que pediu para não ser identificado, quatro pessoas moram no apartamento: o agente penitenciário aposentado, a esposa dele, o enteado de 14 anos e uma enteada de 21. Segundo ele, a família sempre pareceu tranquila.
Fonte: G1

[educção] MPEduc: audiências discutirão qualidade da educação em Cerro Corá e Lagoa Nova

Eventos serão realizados nos auditórios das câmaras municipais de Cerro Corá (próximo dia 19) e Lagoa Nova (no dia 26)

O Ministério Público Federal no Rio Grande do Norte (MPF/RN) e o Ministério Público do Estado (MP/RN) realizarão audiências públicas para discutir a qualidade da educação básica nos municípios de Cerro Corá e Lagoa Nova. Os eventos ocorrerão nos dias 19 e 26 de março, respectivamente, sempre às 9h, no auditório das câmaras municipais.

O objetivo é apresentar à sociedade o projeto Ministério Público pela Educação (MPEduc) e incluir a população na discussão sobre a qualidade da educação pública oferecida nessas cidades. As inscrições para participar deverão ser realizadas através do e-mail janinevarella@mpf.mp.br, sendo limitadas à capacidade dos auditórios.

De acordo com o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) do ano de 2013, calculado pelo Ministério da Educação, Cerro Corá atingiu apenas 3,8 e 3,4 para os anos iniciais e finais, respectivamente, enquanto Lagoa Nova obteve 4,6 e 3,1, respectivamente. Nesse índice, cuja escala vai de 0 a 10, o ideal é, no mínimo, um Ideb 6.

[política] Declaração de amor a Dilma é trending topic do Twitter

Internautas  colocaram uma declaração de amor como um dos principais assuntos do Twitter na manhã desta sexta-feira. Às 7h, a hashtag #DilmaLindaOBrasilTeAma estava em quarto lugar no Trending Topics Brasil. Muita gente defendeu a presidente diante dos protestos que ganharam força nas redes sociais nas últimas semanas e do grande ato programado para o próximo domingo (15).


[política] Convite de Mineiro para movimento do PT não é bem recebido por seguidores no instagram

O deputado Fernando Mineiro (PT) não foi feliz ao convocar a população para o movimento através de suas redes sociais. 

No convite abaixo, menos de 60 curtidas contra quase 700 comentários, bem desagradáveis ao titular da conta no instagram.

Nos comentários, que podem ser vistos acessando o instagram do deputado ( @mineiropt13), a maioria dos internautas reclama do horário do protesto: 15 horas. Hora em que as pessoas estão trabalhando.

Fonte: Thaisa Galvão

[educação] Alunos da zona rural de Caicó estão sem aula por falta do transporte escolar


Apesar do ano letivo da Rede Estadual de ensino também ter sido iniciado em Caicó, a frequência dos alunos que moram na Zona Rural tem sido muito baixa. Não se trata de nenhuma evasão escolar, e muito menos da desistência destes alunos, e sim falta de respeito dos governos em ainda não ter resolvido o impasse do contrato do transporte escolar, deixando mais de 1 mil alunos sem aulas.

A exemplo dos anos anteriores o Governo do Estado quer fazer uma parceria com o Município de Caicó, para que a prefeitura assuma a administração do transporte escolar. Em contrapartida, o Governo está oferecendo um repasse financeiro da ordem de 240 mil reais/ano, que segundo informações do prefeito Roberto Germano, em contato com o Blog do Marcos Dantas não é suficiente para garantir o transporte o ano inteiro aos estudantes da Zona Rural.

“Interessante que o ano passado o Governo do Estado gastou em torno de 140 mil reais por mês com o transporte escolar de Caicó, e agora quer pagar 240 mil reais pelo ano todo para que o Município assuma. Esse valor deveria ser no mínimo de 650 mil reais”, disse o prefeito. Germano se reuniu na semana passada com o secretário estadual de Educação, Francisco das Chagas, mas até agora o impasse continua. “Eles ficaram de fazer um levantamento e apresentar uma nova proposta. Estamos aguardando. Por enquanto, onde nossa rota passa e que tem aluno do Estado a gente traz, mas a prioridade é o aluno do município. Nossa parte estamos fazendo”, disse Roberto Germano.

[saúde] LIRAa mostra 10 cidades do RN com risco de dengue

Os dados do Levantamento Rápido de Índices para Aedes aegypti (LIRAa), divulgados nesta quinta-feira (12), mostram que 10 municípios do Rio Grande do Norte apresentam situação de risco de epidemia de dengue. Outros seis estão em estado de alerta.

O resultado sobre o levantamento foi apresentado pelo ministro Arthur Chioro na manhã desta quinta-feira.

Considerado como fundamental para orientar as ações de controle da dengue e chikungunya, o LIRAa é realizado em alguns municípios selecionados, em bairros onde estão concentrados os focos de reprodução do mosquito.

Segundo o ministro, 15 minutos são suficientes para que as famílias façam uma vistoria em casa e eliminem qualquer situação que possa acumular água parada, servindo de criadouro do mosquito. “São medidas simples, como tampar caixas-d’água, retirar pratos de vasos de plantas, limpar calhas, lavar vasilha de água de animais, entre outros recipientes de estocagem de água”, disse.

Em todo o Brasil, o levantamento foi feito em 1.844 cidades entre janeiro e fevereiro deste ano. Desses, o mapa da dengue mostra que 340 estão em situação de risco para a ocorrência de epidemias e 877 estão em alerta.

O índice utilizado no LIRAa leva em consideração a percentagem de casas visitadas com larvas do mosquito Aedes aegypti. Os municípios classificados como de risco apresentam larvas do mosquito em mais de 3,9% dos imóveis pesquisados. É considerado estado de alerta quando menos de 3,9% dos imóveis pesquisados têm larvas do mosquito; e satisfatório quando o índice está abaixo de 1% de residências com larvas do mosquito.

No Rio Grande do Norte, Caicó, Campo Redondo, Carnaúba dos Dantas, Currais Novos, Florânia, Jardim do Seridó, João Câmara, Mossoró, Santa Cruz e São José de Mipibu são as cidades em risco, enquanto Brejinho, Jaçanã, Parelhas, Parnamirim e Tenente Laurentino estão em estado de alerta.

Novo mapa mostra 340 municípios do país em situação de risco

Novo mapa da dengue mostra que 340 municípios brasileiros estão em situação de risco para a ocorrência de epidemias e 877 estão em alerta. O Levantamento Rápido de Índices para Aedes aegypti (LIRAa) divulgado revela ainda que outras 627 cidades apresentam índice satisfatório. No total, 1.844 municípios brasileiros realizaram o levantamento, entre janeiro e fevereiro deste ano, um aumento de 26,38% em relação aos participantes de 2014. No ano passado, 1.459 municípios fizeram a pesquisa no mesmo período do ano.

Para qualificar as ações de combate aos mosquitos transmissores da dengue e do chikungunya, o que inclui a contratação de agentes de vigilância, o Ministério da Saúde repassou um recurso adicional de R$ 150 milhões a todos os estados e municípios brasileiros. Deste total, R$ 121,8 milhões foram para as secretarias municipais de saúde e R$ 28,2 milhões para as secretarias estaduais. O valor representa um subsídio de 12% do valor anual do Piso Fixo de Vigilância e Promoção da Saúde de R$ 1,25 bilhão.
Fonte: Jornal de Fato

[educação] MEC garante que todas as renovações de contratos do Fies estão asseguradas


O Ministério da Educação (MEC) divulgou, na tarde de hoje (12) nota para tranquilizar os estudantes que ainda não conseguiram renovar o contrato do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). Segundo a pasta, todos os que firmaram contratos até 2014 têm assegurado o aditamento. Ao todo, foram renovados mais de 830 mil contratos de um total de 1,9 milhão. O sistema ficará aberto até o dia 30 de abril.

"Todos têm assegurado o aditamento de seus contratos", destaca a nota. A pasta esclarece que, a qualquer momento em que for feito o aditamento, ele vale desde o início do semestre. A lentidão no sistema, enfrentada por alunos, está sendo corrigida, acrescenta o MEC.

O MEC informa ainda que, além das renovações, há vagas para novos contratos, mas não menciona quantas.

Em nota anterior, a pasta ressalta que usa critérios de qualidade, distribuição regional e disponibilidade de recursos para liberar os financiamentos, e que os cursos com nota 5 (avaliação máxima) serão todos oferecidos. Nos que têm notas 3 e 4, são considerados aspectos regionais como, por exemplo, localidades que historicamente receberam menos financiamentos.

O Fies oferece corbertura da mensalidade de cursos em instituições privadas de ensino superior a juros de 3,4% ao ano. O estudante começa a quitar após 18 meses da conclusão do curso. Desde 2010, o Fies acumula 1,9 milhão de contratos e abrange mais de 1,6 mil instituições.
Fonte: Agencia Brasil

[cotidiano] Conselho Regional de Administração abre inscrições para concurso público

O primeiro concurso público do Conselho Regional de Administração do RN (CRA/RN) está com inscrições abertas. O processo seletivo está sendo organizado pelo Instituto Quadrix e oferece 5 vagas para Natal e para a seccional do CRA/RN em Mossoró.

Para o ensino médio são oferecidas 2 vagas para assistente administrativo, sendo 1 vaga para Natal e outra para Mossoró, com salário inicial de R$ 1.382,06. 

As vagas de nível superior são para administrador 1 vaga, administrador fiscal 1 vaga e contador 1 vaga, com inicial de R$ 2.073,09. 

Para todos os cargos de nível médio ou superior, além do salário inicial serão acrescidos benefícios, como: auxílio transporte, auxílio creche, auxílio saúde, auxílio alimentação e plano de cargos, carreiras e salários.

As inscrições serão realizadas, exclusivamente, pela internet durante o período de 12 de março até às 23h59m do dia 08 de abril no valor de R$40, para ensino médio e R$50, para nível superior. O edital está disponível no site do CRA/RN www.crarn.org.br e no site da organizadora www.quadrix.org.br.  

[saúde] Desabastecimento prejudica pacientes de hospitais do Oeste do RN

O Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM) sofre com o desabastecimento de medicamentos para os pacientes e insumos essenciais para atender a demanda de funcionamento do único hospital de emergência urgência do Oeste do RN.

O problema persiste há vários meses e até o momento nenhuma solução foi tomada. O ex secretário estadual de Saúde, Luiz Roberto Fonseca, reconheceu que o desabastecimento nos hospitais era devido à falta de recursos para pagar aos fornecedores.

O atual secretário de Saúde, José Ricardo Lagreca, alegou que o atual governo não tem recursos suficientes previstos em orçamento para quitar débitos com as empresas fornecedoras. Por sua vez, estas empresas suspenderam o envio dos medicamentos.

Cansados de esperar pelo governo e impotentes em relação a situação degradante e de total descaso, alguns parentes de pacientes internados no hospital estão sacrificando a renda mensal para comprar medicamentos do próprio bolso.

Observa-se que nem todos os medicamentos usados em hospitais são vendidos em farmácias. A grande maioria só existe em hospitais, por ser injetáveis, daí a crise ser ainda mais grave.

A Comissão de Direitos Humanos da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-Mossoró) visitou todos os hospitais e conheceu de perto o desabastecimento, sendo o mais grave no Pronto Socorro e na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Regional Tarcísio Maia.

A comissão produziu um relatório e entregou pessoalmente ao secretário Ricardo Lagreca.

A reunião da OAB com o secretário de Saúde aconteceu no dia 13 de fevereiro, em Natal. Na época, o secretário informou que o os medicamentos de baixa e média complexidade já haviam sido repostos e que o estoque de maior complexidade havia sido solicitado.

O prazo apresentado à Comissão de Direitos Humanos da OAB-Mossoró por Lagreca seria de no máximo 20 dias, o que não foi cumprido pelo estado.

Como o problema persistiu, o presidente da OAB Mossoró, Aldo Fernandes, convocou uma reunião para esta quinta-feira, 12, na sede da instituição, no bairro Nova Betânia, em Mossoró.

O presidente da CDH, advogado Diego Tobias, adiantou que na reunião serão definidas as providências para enfrentar de frente a questão do desabastecimento.
Fonte: Mossoró Hoje

quinta-feira, 12 de março de 2015

[política] Kelps apresenta PEC que extingue residência de Governador


O deputado Kelps Lima (SD) apresenta, na sessão plenária desta quinta-feira (12), Proposta de Emenda Constitucional (PEC) extinguindo, oficialmente, a casa residencial de governador do Estado, a partir da posse e durante todo o mandato.

“Quero parabenizar o governador Robinson Faria (PSD) por não estar ocupando residência oficial, que no governo anterior custava, mensalmente, R$ 100 mil e contava com 53 policiais à disposição. No entanto, a residência precisa ser extinta por lei e por isso estou apresentado essa PEC”, justificou Kelps.

A PEC, que conta com assinatura de nove parlamentares, modifica o artigo 58 da Constituição Estadual, com o objetivo de vedar gasto público para custear despesas pessoais com a residência do governador e do vice-governador.

De acordo com a PEC, o governador e o vice poderão ter policiais à disposição deles e de familiares em primeiro grau para garantir a segurança, mas proíbe que servidores sejam alocados em qualquer outra função de caráter pessoal.

“Acabar com a residência oficial foi uma promessa de campanha. Mas, alguns paradigmas administrativos só podem ser quebrados por Lei”, reforçou Kelps.

Em aparte, Cristiane Dantas (PCdoB) manifestou apoio à extinção da residência oficial. “Não tem porque ser um tratamento tão diferenciado. A residência é um custo muito alto. É preciso que seja extinto por lei para que os próximos governos façam como Robinson está fazendo”, disse a deputada.
Fonte: Blog do BG

[esporte] Campeonato Leikson Albuquerque chega as quartas de finais, saiba quais são os jogos de hoje

O 2° Campeonato Leikson Albuquerque continua a todo vapor e hoje vai acontecerá mais uma rodada, não perca! Os jogos começam às 18:00 no ginásio municipal de Apodi. Veja os resultados de ontem e os jogos de hoje:

[saúde] Falta de doações preocupa Hemocentro de Mossoró

A falta de sangue dos tipos O + e O -, os mais procurados, se configura como uma preocupação para o Hemocentro de Mossoró. A unidade é a única no município que atende à demanda dos principais hospitais da região oeste, como é o caso do Hospital Regional Tarcísio Maia.

Os profissionais de saúde do Hemocentro de Mossoró pedem que os doadores dos tipos O + e O -, procurem a unidade, caso estejam disponíveis para doar. A situação, segundo eles é de caráter de urgência.

De acordo com a assistente social da unidade Eliane Aires, “Estamos precisando bastante desses tipos de sangue, todas as cirurgias feitas na cidade precisam de sangue que sai daqui”.

A assistente social alerta que o tipo sanguíneo “O positivo” é o que tem saída mais rápida, pois é compatível com qualquer outro tipo sanguíneo. Já o “O negativo” é o mais raro, e só recebe doação de outra com o mesmo tipo.

“Pedimos que, principalmente, os familiares a amigos das pessoas que necessitam de sangue, venham doar, precisamos da ajuda de toda a população também” diz Eliane.

Dentro desse quadro, o Hospital Maternidade Almeida Castro começará a partir da próxima segunda-feira, 16, a realização de cirurgias.

De acordo com Benedito Viana, enfermeiro e membro da Junta Interventora do Hospital Maternidade Almeida Castro, “as cirurgias realizadas no Almeida Castro são eletivas, então, quando uma cirurgia é marcada, o paciente tem a obrigação de levar, no mínimo duas pessoas que possam fazer as doações de sangue para ele”.

“Só no caso das cirurgias ginecológicas, é que há uma maior necessidade de sangue, tendo em vista que as cirurgias ortopédicas dificilmente necessitam do material” esclarece ele.

O Hemocentro de Mossoró também atende toda a demanda do Hospital Regional Tarcísio Maia, Hospital Wilson Rosado, Centro de Oncologia, Hospital da Mulher Parteira Maria Correa, Casa de Saúde Dix-Sept Rosado e demais unidades da cidade.

Do dia dois de março até o momento, o Hemocentro recebeu 216 doações de sangue. A média necessária por mês é de 900 a 1.000 doações, como aconteceu em fevereiro devido a campanha de carnaval.

Para doar, é necessário ter entre 18 e 69 anos e conter no momento da doação, documento de identificação com foto.

O doador tem que estar bem de saúde, ter dormido pelo menos 6 horas na noite anterior, estar bem alimentado, pesar mais de 50 quilos, não ter consumido bebida alcoólica nas últimas 12h, e não ter fumado nas últimas 2h.No local, ainda será feita uma triagem para saber se a pessoa está apta ou não a doar.

O Hemocentro de Mossoró está situado ao lado do Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM) e funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h30, e aos sábados, das 7h às 16h30.
Fonte: Mossoró Hoje

[cotidiano] Blogueira alemã utiliza absorventes para divulgar mensagens feministas

Uma blogueira alemã tem chamado atenção com um projeto feminista inusitado. Elonë, que vive em Karlsruhe, distribuiu absorventes com mensagens de empoderamento feminino, além de slogans contra o estupro e a favor dos direitos das mulheres em locais públicos da sua cidade. 

"Imagine se os homens tivessem nojo de estupro como eles têm de menstruação"


Apesar de ter recebido ameaças em seu Tumblr, ela garante que vai manter o projeto.
Fonte: Correio Braziliense

[cotidiano] 'Pode morrer beba?', postou estudante antes de acidente em Natal

Najla Charara morreu na madrugada desta quinta (12) após bater o carro.Pouco antes, ela falava sobre morrer em um grupo do WhatsApp.

Jovem teria perguntado se podia 'morrer beba' em conversa de WhatsApp (Foto: Reprodução)

A estudante de Direito Najla Charara, de 21 anos, que morreu após bater o carro em um poste na madrugada desta quinta-feira (12), em Natal, conversava com amigos em um grupo do WhatsApp – pouco antes do acidente – sobre morrer "beba". Às 23h25 ela escreveu: "Lipeeee. Pode morrer beba? kkkk" (sic).

Najla morreu no local do acidente
(Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)
Outra pessoa que também participa do grupo respondeu: "Morra não amiga! Tem que aproveitar um pouquinho mais" (sic).
O acidente aconteceu por volta das 0h30 no prolongamento da Avenida Prudente de Morais. De acordo com a Polícia Militar, Najla estava bebendo em um bar com amigas e, na volta para casa, perdeu o controle do carro e colidiu contra um poste.

Uma amiga da estudante, de 20 anos, também estava no veículo e foi levada ao Pronto-Socorro Clóvis Sarinho com fraturas. De acordo com a assessoria do hospital, ela está em observação no setor de politraumas e não corre risco de morte.

O Corpo de Bombeiros precisou cortar o teto do carro para retirar as vítimas. A Polícia Militar informou que foi encontrada uma garrafa de vinho dentro do veículo.
A Polícia Civil pediu ao Instituto Técnico-Científico de Polícia (Itep) exame toxicológico e de dosagem alcoólica no corpo de Najla.
Carro ficou destruído com o impacto da colisão (Foto: Marksuel Figueredo/Inter TV Cabugi)
Fonte: G1

[educação] Cursinho preparatório de Apodi promove Aulão Beneficente


[saúde] Brasil tem 340 municípios em situação de risco para dengue e chikungunya


Levantamento do Ministério da Saúde divulgado hoje (12) mostra que 340 municípios brasileiros estão em situação de risco para epidemias de dengue e chikungunya. De acordo com os dados, 877 cidades estão em alerta para ambas as doenças.

Segundo o ministério, 1.844 municípios participaram do Levantamento Rápido de Índices para Aedes aegypti (LIRAa), de janeiro a fevereiro deste ano, e registraram aumento de 26,38% em relação aos participantes em 2014.

Os números mostram que uma capital está em situação de risco, Cuiabá, e 18, em situação de alerta: Aracaju, Belém, Belo Horizonte, Campo Grande, Fortaleza, Goiânia, Macapá, Maceió, Manaus, Palmas, Porto Alegre, Porto Velho, Recife, Rio de Janeiro, Salvador, São Luís, São Paulo e Vitória.

Conforme o levantamento, a Região Nordeste concentra a maioria dos municípios com índice de risco de epidemia (171), seguida pelo Sudeste (54),  Sul (52), Norte (46) e Centro-Oeste (17).

Na Região Nordeste, o armazenamento inadequado de água é responsável pela maioria dos criadouros do mosquito Aedes aegypti (76,5%). No Norte, o principal problema é o lixo (48,2%). No Sudeste, os depósitos domiciliares respondem pela maior parte dos criadouros (52,6%). No Centro-Oeste e no Sul, o principal foco do mosquito é o lixo (51,6% e 52,7%, respectivamente).

De acordo com o ministro da Saúde, Arthur Chioro, levantamento é uma ferramenta importante para direcionar ações de prevenção e combate à dengue e à febre chikungunya. "É um dispositivo que orienta a ação não apenas de autoridades sanitárias, mas da própria comunidade, em cada cidade, em cada região. Ele representa a capacidade de mapear a situação em diferentes cidades, com graduação de riscos diferentes".
Fonte: Agencia  Brasil

[política] vereador Laete volta a dizer que o governo municipal não tem planejamento

A sessão plenária da câmara municipal de Apodi manteve um perfil tranquilo e pouco participativo por parte da população nesta quinta feira.

Contudo, mantendo um perfil coerente no que diz respeito as cobranças dos serviços básicos do poder executivo, Laete Oliveira do PMN, falou da aprovação dos projetos municipais chamando a atenção para falta de manutenção as necessidades da população.

Laete disse que, apesar das dificuldades o município não tem conseguido atender os anseios da população, sobretudo nos serviços básicos. A isso ele citou a grande reclamação da população nos seguimentos públicos, evidentemente nas redes sociais.

Mantendo a mesma linha de raciocínio ele disse que não consegue entender o porque dos atrasos nos serviços de transporte escolar que ainda não iniciou. Falta de planejamento foi a principal tecla em que o parlamentar indica ser. "Eu não consigo compreender como é que um governo sabendo que iria iniciar as aulas e ainda não havia feito a licitação dos transportes," disse ele.

"Administrar o município de Apodi não é para qualquer um. Não é fácil administrar Apodi," complementou Laete seguindo a linha de raciocínio antes mencionada, citando, principalmente, as promessas de campanha.

Finalizando ele disse que o poder legislativo deve se reunir com o objetivo de ajudar o prefeito Flaviano Monteiro a governar o município, evitando os erros que vem ocorrendo. "Temos que dá prioridade aos serviços básicos, sobretudo a área educacional, saúde e economia e não apenas ao carnaval, como aconteceu aí."

[cotidiano] Trabalhadores do Judiciário aprovam indicativo de greve

Foto Reprodução/Juri News
Os trabalhadores do Judiciário potiguar, em Assembleia Geral Extraordinária realizada na manhã de ontem, 11, aprovaram indicativo de greve a ser votado em outra assembleia da categoria, a se realizar hoje, 12, às 10h, no auditório do Centro Pastoral Dom Heitor de Araújo Sales, com a presença do advogado Felipe Monnerat, do Escritório carioca Barroso Fontelles, Barcellos, Mendonça & Associados, contratado pelo Sisjern. O auditório está situado na rua da Conceição, 615, ao lado da Assembleia Legislativa.

O indicativo de greve tem como pauta a não implementação das medidas contra os servidores, anunciadas pela Presidência do Tribunal; fixação de data-base; e progressão funcional, conforme lei.

A indicação de movimento paredista se deu após o Pleno do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN) – momentos antes da assembleia – ter aprovado, por unanimidade, anteprojeto que congela a GTNS. Os desembargadores aprovaram também, com apenas um voto contra – do magistrado Jarbas Bezerra – outro anteprojeto que revoga o Adicional por Tempo de Serviço (anuênio). Os anteprojetos seguem agora para a Assembleia Legislativa, onde serão apreciados.

De acordo com o sindicato dos servidores, a equipe de foto/filmagem do Sisjern foi impedida de ter acesso à sessão, sendo escoltada militarmente até à Secretaria de Comunicação do TJRN, quando, depois de um tempo, foi comunicada da proibição de acessar o plenário. Situação semelhante ocorreu com vários servidores, que tiveram negado o acesso à galeria, prática repudiada pela diretoria do Sisjern.

Para Bernardo Fonseca, diretor-coordenador do sindicato, “o que aconteceu hoje [ontem] mostrou que o presidente e os seus aliados só estão preocupados com seus bolsos. A Justiça foi esfaqueada e a população é a maior prejudicada”.

Para o dirigente, “está oficializado o período sombrio na Justiça potiguar, com a instauração de perseguições, insegurança jurídica, ilegalidades, burla a decisões judiciais e retirada de direitos”.

Fonseca afirmou ainda que “o tribunal de inquisição foi instaurado. Porém, os trabalhadores do Judiciário estão unidos em defesa da Justiça do RN”. Para ele, “só a união e a luta da categoria e a força do povo poderão dar um basta neste regime autoritário”.
Fonte: Gazeta do Oeste

[política] Saques já somam R$ 367,5 milhões

O Governo do Estado ampliou o volume sacado do Fundo Financeiro Unificado para garantir o pagamento da folha de pagamento de fevereiro aos  aposentados e pensionistas do Instituto de Previdência dos Servidores Estaduais (Ipern). No início deste mês, a Secretaria de Estado de Planejamento e Finanças (Seplan), informou que R$ 35 milhões haviam sido consumidos do Fundo, mas não havia calculado o acréscimo de 13,01% aos vencimentos dos profissionais da Educação, além de reajustes previstos em lei para outras categorias. Com isto, o valor subtraído saltou para R$ 43,3 milhões. 
João Carlos Coque disse que Estado já apresentou defesa ao MPS
De dezembro de 2014 a fevereiro deste ano, os saques  somaram R$ 367,5 milhões. Restam, no caixa do Fundo Financeiro Unificado, aproximadamente R$ 551 milhões. Mantido o volume atual de extração de valores para a quitação da Folha de Pagamento, a monta deverá ser suficiente para os próximos 13 meses. A Seplan informou, via assessoria de imprensa, que com o equilíbrio das despesas e aumento na arrecadação, os saques do Fundo Financeiro Unificado tendem a cair nos próximos meses, a exemplo do que ocorreu no comparativo entre janeiro - R$ 95 milhões – e fevereiro – R$ 43,3 milhões.
Além deste, o Estado lida com outro problema: o vencimento do Certificado de Regularidade Previdenciária (CRP).  Expirado desde 18 de fevereiro passado, o Certificado, do Ministério da Previdência Social (MPS), atesta a regularidade dos Fundos Previdenciários dos Estados. Sem ele, cuja renovação ocorre a cada 180 dias, os Estados são impedidos de celebrar convênios com o Governo Federal e receber recursos. 

A unificação dos Fundos Previdenciário e Financeiro do Rio Grande do Norte, aprovado pela Assembleia Legislativa no final do ano passado, piorou a situação e colocou em xeque a expedição do novo CRP. Há quase um mês, o Estado está sem o documento. “A gente fez uma defesa administrativa, depois de recebida a notificação do Ministério. Mas, ainda não obtivemos resposta”, explicou o procurador-geral do Estado adjunto, João Carlos Coque. 

Ele apontou que, além das regularizações de questões acessórias para a renovação do CRP, a promulgação da Lei Estadual Complementar 526/2014, que unificou os Fundos Previdenciário e Financeiro do Estado, é um “grande problema” a ser solucionado. Em nota, o MPS confirmou que o Certificado está vencido desde o dia 18 de fevereiro. Em relação à unificação dos fundos, ainda não há registro de irregularidade pois o governador Robinson Faria assinou a notificação relativa aos esclarecimentos no dia 13 de fevereiro passado. Independente disto, o Estado está irregular em seis critérios de análise, conforme disposto no Portal do Ministério da Previdência Social.

Saques e saldo
Sauques e saldo do Fundo Financeiro Unificado do RN

Valores sacados:
Dezembro/2014
R$ 234.157.572,33

Janeiro/2015
R$ 90.000.000,00

Fevereiro/2015
R$ 43.393.024,84

Total sacado
R$ 367.550.597,17

Total aproximado disponível no caixa do Fundo 
R$ 551.606.975,16
Fonte: Instituto de Previdência do RN

[cotidiano] Tremor de terra é registrado na cidade de João Câmara

Um tremor de 2.0 de magnitude foi registrado nesta terça-feira (9) na cidade de João Câmara, na região Central do Estado. 

De acordo com o relatório do Laboratório Sismológico da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (LabSis/UFRN), o sismo foi registrado às 21:22 na região de Lagoa Rachada, no limite dos municípios de Poço Branco e João Câmara.

Apesar do tremor, as autoridades locais informaram que não foi registrada nenhuma ocorrência em decorrência do fenômeno.

Atividades sísmicas assustam moradores de João Câmara desde 1986

O local onde aconteceu o tremor na última terça-feira, foi palco de uma série de atividades sísmicas registradas inicialmente no ano de 1986.

Naquela ocasião, até 1993, mais de 50.000 tremores foram registrados pelos sismógrafos instalados para monitorar a atividade sísmica.

Ocorreram dois tremores de magnitude da ordem de 5.0 (5.1, em 30/11/1986 e 5.0 em 09/03/1991), mais de 10 de magnitude acima de 4.0 sendo que, o efeito de tudo isso foi que centenas de edificações ficaram inabitáveis e houve pânico e fuga da população. 

Foi a sequência sísmica que causou mais danos em toda a história do Brasil.

[segurança] TJ determina que RN comprove início de curso da Polícia Civil


O Estado tem cincos dias para comprovar que deu início ao curso de formação do concurso para preenchimento de 68 vagas para o cargo de delegado, 107 escrivães e 263 agentes de Polícia Civil.

A determinação foi do Juiz Everton Amaral de Araújo, do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte.

Segundo o magistrado, existe uma determinação judicial para que, em 60 dias, o ente público providenciasse a realização do curso, no entanto, o prazo foi extrapolado.

Caso não tenha se iniciado um novo curso de formação, o Estado deverá, no mesmo prazo de cinco dias, justificar o retardamento, informar quais medidas estão sendo adotadas para sua concretização e, sobretudo, apresentar calendário oficial das etapas restantes.

O juiz Everton Amaral alerta que, em caso de desatendimento da determinação, será emitida uma intimação pessoal ao Governador do Estado e ao Secretário de Defesa Social, quanto ao teor da decisão judicial formulada nos autos, a fim de que não aleguem desconhecimento quanto às medidas de coação garantidas na ação judicial.

[saúde] Comum na zona rural, sexo com animais aumenta risco de câncer de pênis

Na beira de uma lagoa na zona rural de Irará, Rogério Silva encontra uma pedra na sombra para sentar e observar as 80 vacas sob seus cuidados. É um refúgio para suavizar a aflição da dúvida.

Os amigos fazem graça, o calor lhe pega de jeito, o suor começa a pingar e ele, enfim, admite: “É isso mesmo. Quando eu tinha uns 14, 15 anos, ‘comia’ uma jega!”.

A afirmação é capaz de chocar muita gente, mas a prática não chega a ser motivo de assombro nas roças Brasil adentro. Levantamento coordenado pelo hospital paulista A.C.Camargo, em parceria com 16 centros de tratamento de câncer do país, aponta que, na zona rural, 34,75% dos homens já tiveram ao menos uma relação carnal como a de Rogério, de 26 anos.

Superada a dúvida entre admitir ou não o ato, o rapaz, que nasceu na cidade a 137 quilômetros de Salvador, dá vazão às lembranças. “Eu trabalhava no mato com a jega. O peão quando é novo, sabe como é, né? Dava aquela vontade… botava logo ela no toco”.

Botar no toco, ensina Rogério, é encontrar um lugar em que o homem fique um pouco mais elevado que o animal, dando o equilíbrio necessário para o alívio imediato. “Quando a bicha se acostuma, basta passar a mão pelo rabo que ela já se ajeita. Não precisa nem fazer esforço”, revela, ante a gargalhada dos amigos.

Câncer

O problema é que, segundo a pesquisa encabeçada pelo urologista Stênio de Cassio Zequi, os homens que já tiveram relações sexuais com animais correm um risco duas vezes maior de desenvolver câncer de pênis em relação àqueles que só buscaram abrigo com indivíduos da mesma espécie.

O dado, entretanto, não assusta o pintor Edmilson dos Santos, o Cacau,  52 anos, que vive no distrito de São Bento do Inhatá, em Amélia Rodrigues, distante 84 quilômetros da capital baiana.

“Quando eu era adolescente, tinha muita gente que fazia isso. Agora olhe eu aqui, inteiro”, comemora ele, que tem quatro filhos com a ex-mulher. “Já fui em jega, mula, égua e até galinha. Mas galinha não ‘guenta’ não, moço. É pequena!”, completa.

Ao seu lado, quem confirma as peripécias juvenis é o agricultor Roque Gualberto, 55 anos, conhecido em São Bento como Da Manga.
“Na roça, o homem que diz que nunca teve vontade de se aliviar com uma bichinha tá é mentindo”, afirma ele com um largo sorriso, antes de emitir uma mistura de sons desconexos numa pretensa imitação do gemido de prazer dos bichos (e talvez dos homens).

Entre os entrevistados para a análise científica, os nordestinos mostraram predileção pelos equinos, enquanto no Sul e no Sudeste a simpatia dos homens se debruça sobre caprinos e galináceos.

“Já ouvi até relato de um pescador que teria mantido relação com uma arraia”, diz Stênio Zequi, para quem ainda é um mistério o que foi feito em relação ao esporão do peixe.

No meio dos homens, as jeguinhas têm boa fama. “Já fica na altura certinha. Com égua é mais difícil. As bichas são brabas, dão coice, é uma briga só”, explica Rogério, cheio de empirismo.

Cuidados

Seja lá qual for a preferência de cada um, Zequi só pede que os homens tenham cuidado. “Nem todo mundo que tiver uma relação deste tipo terá câncer, mas as pessoas precisam saber dos riscos”, avalia o urologista.

Para encerrar a conversa, ele deixa uma dica que serve para órgãos de saúde e homens mais afoitos: “As campanhas educativas sobre câncer sempre lembram que é preciso lavar bem o pênis com água e sabão. É preciso dizer também para evitar o sexo com animais. Se não tiver jeito, que se use camisinha”.

Fonte: iBahia