logo

sábado, 2 de maio de 2015

[polícia] Família procura por universitário caicoense desaparecido em Natal

Continua desaparecido em Natal, o estudante do curso de Administração de uma Universidade particular de Natal, o caicoense Máximo Augusto Medeiros de Araújo, 23 anos, filho de Máximo Medeiros de Araújo e Ana Maria Brandão de Araújo. Ele foi visto pela última vez na madrugada de sexta-feira (feriado do Dia do Trabalho), saindo da boate Vogue, em Candelária, próximo ao Sams Club, na BR 101.

Segundo informações da irmã de Máximo à polícia, um homem segurando um capacete teria entrado no veículo do jovem (Palio branco de placas OWC-8357). O segurança achou estranho e perguntou ao estudante se estava tudo bem, tendo uma confirmação positiva em seguida. A partir daí, ninguém tem mais notícia sobre o estudante. Familiares chegaram a prestar Boletim de Ocorrência na Delegacia de Plantão, que será encaminhado nesta segunda-feira à Delegacia Especializada em Captura e Polinter (Decap).
Fonte: O Jornal de Hoje

[educação] Empresa faz estudo de solo para Campus da UERN em Apodi

Foto: Luécia Franco
As obras do Campus de Apodi vão entrar em ritmo mais acelerado depois de um estudo de resistência de solo que foi iniciado no começo da semana. A empresa responsável pela construção identificou, após a escavação, que é necessário a sondagem porque alguns pontos não estavam de acordo com o projeto. "O estudo será custeado pela construtora", esclarece o assessor de obras da Universidade, Osmídio Dantas, prevendo que até o início da próxima semana, a análise de solo estará pronta.

Paralelamente a esse estudo, as obras estão sendo tocadas, embora mais lentamente, mas isso não atrasará o cronograma de conclusão prevista para meados de 2016. Pelo contrário, o levantamento do solo permitirá que a execução seja acelerada, uma vez que o estudo dará mais segurança à empresa construtora. "Tal serviço não compromete o cronograma inicial da obra. Após a conclusão da sondagem será iniciada a execução dos serviços de fundação (alicerce)", adianta Osmídio Dantas.

"Esse estudo do solo tem como principal objetivo conhecer o sub-solo, fornecendo subsídios indispensáveis para escolher o tipo de fundação mais adequado, evitando assim possíveis riscos na qualidade da obra e nos proporcionando maior segurança na obra. Um trabalho de grande importância e aprendizado ", disse a técnica em edificações e responsável pelo acompanhamento e fiscalização da obra, Luécia Régis Franco.

Até o momento já foram executados os serviços de instalação do canteiro de obras, limpeza do terreno, locação da obra e escavação das fundações.

O Campus de Apodi terá 30 salas de aula. Serão investidos mais de R$ 4 milhões na obra.

[cotidiano] Novo site da Microsoft adivinha sua idade com apenas um clique

Um novo site da Microsoft está fazendo sucesso na Internet. Trata-se do How Old, em que o usuário envia uma foto sua e descobre qual idade a página acha que ele possui.

Ao entrar no How-Old.net, é possível ver imagens de exemplo ou escolher uma própria para que sua idade seja identificada. Podem ser enviadas imagens de grupos, mas a página não reconhece todos se forem muitos. 

E, claro, vale dizer que a idade informada é aproximada – que dizer, às vezes nem isso. 

Como a própria empresa conta, o projeto começou como um teste da API de seu programa de reconhecimento facial. “Enviamos e-mails a um grupo de várias centenas de pessoas, pedindo-lhes para testar a página por alguns minutos e nos dar feedback –  na esperança de que pelo menos 50 pessoas nos dessem uma chance”, diz o post no site.

Em poucas horas, eles conseguiram mais de 35 mil respostas de pessoas de todo o mundo utilizando o recurso.

[política] Lula é investigado por tráfico de influência, diz revista

Uma reportagem publicada pela revista "Época” afirma que o núcleo de Combate à Corrupção da Procuradoria da República em Brasília abriu, há uma semana, investigação contra Luiz Inácio Lula da Silva por tráfico de influência internacional e no Brasil.

De acordo com a reportagem, Lula é suspeito de usar sua influência para facilitar negócios da construtora Odebrecht  “com representantes de governos estrangeiros onde a empresa toca obras com dinheiro do BNDES.”

Os procuradores enquadram a relação do ex-presidente com a Odebrecht, BNDES e os chefes de Estado em dois artigos do Código Penal.

O primeiro afirma que é crime “solicitar, exigir ou obter, para si ou para outrem, vantagem ou promessa de vantagem, a pretexto de influir em ato praticado por funcionário público estrangeiro no exercício de suas funções, relacionado a transação comercial internacional”.

O segundo crime refere-se à suspeita de tráfico de influência junto ao BNDES.

[esporte] Venda de ingressos para as Olimpíadas tem prazo prorrogado até dia 6

Os interessados em comprar ingressos para assistir às Olimpíadas de 2016 ganharam um prazo extra, até o dia 6, para se cadastrarem e participarem do sorteio. O anúncio foi divulgado, na página oficial do evento (www.rio2016.com). O motivo da prorrogação foi a definição da Arena Itaquera como sede para o futebol em São Paulo. 

De acordo com a organização das Olimpíadas, "quem já solicitou ingressos e quer assistir também ao futebol em São Paulo pode acrescentar estas sessões em seu carrinho, mas, ao fim do processo, será preciso submeter o pedido novamente". Até a definição de hoje, a solicitação de ingressos para o futebol em São Paulo não estava disponível.

Podem solicitar ingressos residentes no Brasil com mais de 18 anos. O espectador pode escolher ingressos para até 20 sessões e até quatro ou seis ingressos por sessão. Serão duas rodadas de sorteio, em junho e agosto, mas só poderá participar da segunda quem se inscrever na primeira. Os espectadores não contemplados no primeiro sorteio terão prioridade no segundo. Quem for contemplado no primeiro sorteio, mas não efetuar a compra do ingresso, não poderá participar do segundo.

Somente na fase de sorteio há disponibilidade de ingressos para todos os esportes e as cerimônias de abertura e encerramento dos Jogos Olímpicos. Além disso, só agora é possível parcelar a compra. Depois da etapa de sorteio, terá início, em outubro, a venda direta pelo site das Olimpíadas, quando os espectadores poderão comprar ingressos à vista. Em junho de 2016, serão abertas as bilheterias, onde também será aceito dinheiro, além de cartão da bandeira Visa.

Cerca de 60% dos 7,5 milhões de ingressos para os Jogos Olímpicos estarão disponíveis no sorteio, e mais da metade do total custam até R$ 70. Há ingressos de meia-entrada para idosos e cadeirantes (em todas as categorias de preço) e estudantes e pessoas com deficiência não cadeirantes (na categoria de preço mais barata). As informações são da assessoria de comunicação do Comitê Rio 2016.
Fonte: Nominuto

[saúde] Vacinação contra a gripe começa na segunda-feira em todo o país

A Campanha de Vacinação contra a Gripe começa na próxima segunda-feira (4) em 65 mil postos de saúde espalhados pelo país. Serão disponibilizados 54 milhões de doses para a imunização de 49,7 milhões de pessoas. A meta do governo é vacinar 80% do público-alvo.

Devem ser imunizadas crianças com mais de 6 meses e menores de 5 anos, pessoas com mais de 60 anos, trabalhadores da saúde, povos indígenas, gestantes, puérperas (mulheres até 45 dias após o parto), presos e funcionários do sistema prisional. É importante levar aos postos de saúde o cartão de vacinação e um documento de identificação.

Também serão vacinadas pessoas com doenças crônicas não transmissíveis ou com condições clínicas especiais. Neste caso é preciso levar também uma prescrição médica especificando o motivo da indicação da dose.

Pacientes que participam de programas de controle de doenças crônicas no Sistema Único de Saúde devem ir aos postos onde estão cadastrados para receber a dose, sem necessidade da prescrição médica.

O Ministério da Saúde destaca que a vacina é segura e consiste em uma das medidas mais eficazes de prevenção a complicações e casos graves de gripe. Segundo a pasta, estudos demonstram que a imunização pode reduzir entre 32% e 45% o número de pessoas que recorrem aos hospitais por pneumonias e de 39% a 75% a mortalidade por complicações decorrentes da influenza.

Como o organismo leva, em média, de duas a três semanas para criar os anticorpos que geram proteção contra a gripe após a vacinação, o governo ressaltou que é fundamental realizar a imunização no período da campanha para garantir a proteção antes do início do inverno. A campanha termina no dia 22 de maio.

[segurança] Ex-presidiario é morto com golpe de faca em churrascaria de Janduís

O Ex-presidiário Antônio Alves dos Santos, de 41 anos de idade foi morto com golpe de faca dentro da Churrascaria Santa Terezinha, às margens da BR 226, em Janduís, no Oeste do Rio Grande do Norte.

O crime aconteceu na noite de ontem dia 1º de Maio e a policia não informações sobre a motivação e nem sobre o acusado.

Segundo informações, quando o acusado chegou, Antônio estava no banheiro da Churrascaria. Quando ele saiu, foi surpreendido e furado em cima do peito pelo acusado.

Não houve qualquer reação de Antônio, que ainda foi socorrida para o Hospital Maternidade Maria Cristina Maia, mas não resistiu.
Fonte: O Câmera

[economia] Governo do RN pretende instituir previdência complementar para o funcionalismo

O governo do Rio Grande do Norte submeteu ao legislativo estadual, nesta quinta-feira, 30, projeto de lei que institui o Regime de Previdência Complementar (RPC) para o funcionalismo. A partir dele, o servidor que ganhar acima do teto do Regime Geral de Previdência - hoje de R$ 4.6 mil – terá que contribuir com um fundo complementar estadual para receber o valor integral do salário após a inatividade. A medida vale para os servidores a ingressarem no funcionalismo público estadual via concurso. 

Regime semelhante já foi adotado em estados como São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo, Ceará, Pernambuco e Rondônia, e está em discussão em outros, como Paraná e Santa Catarina. A medida funciona como uma reforma previdência nos estados, o que em algumas décadas pode extinguir o déficit atualmente existente nas contas da previdência pública no Brasil. 

A partir do Projeto de Lei, que ainda irá tramitar nas comissões da Assembleia Legislativa para posterior sanção ou veto do governador, o funcionário estadual do Rio Grande do Norte que quiser receber aposentadoria acima do teto do regime geral, hoje R$ 4,6 mil, contribuirá com valor extra para fundo complementar, a critério do próprio servidor. A contribuição do governo sobre as aposentadorias, por sua vez, cairá de 22% para 7,5%.  

São tutelados pelo RPC, os titulares dos poderes Executivo, sejam da administração direta ou indireta, Legislativo, Judiciário, do Ministério Público, do Tribunal de Contas do Estado e da Defensoria Pública. 

Para administrar e executar o plano de benefícios de caráter previdenciário complementar, o projeto prevê a criação da Fundação de Previdência Complementar do Estado do Rio Grande do Norte (Fuprevi/RN), sem fins lucrativos. A gestão dos recursos será realizada por instituição financeira credenciada pelo Branco Central, contratada mediante licitação.  

[cotidiano] Prazo para regularizar título eleitoral termina nesta segunda-feira

Eleitores que não votaram nem justificaram a ausência nas três últimas eleições têm até esta segunda-feira (4)  para regularizar a situação com a Justiça Eleitoral. Quem não cumprir o prazo vai ter o título cancelado.

As pessoas nesta situação precisam comparecer ao cartório eleitoral mais próximo de casa e apresentar: documento com foto, título e comprovantes de votação, de justificativa, e de pagamento ou dispensa de multa..

Quem tiver o título cancelado não poderá obter   passaporte ou carteira de identidade  e pode ter dificuldade para ser nomeado em concurso público, além disso, pode  estar impedido de renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial.

De acordo com TSE – Tribunal Superior Eleitoral -, até quarta-feira (29), mais de um milhão e setecentas mil pessoas em todo o país não estavam em dia com as obrigações eleitorais.

[educação] MEC diz que vai recorrer de decisão que prorroga prazo de inscrição no Fies

O Ministério da Educação (MEC) informou ontem que, assim que for notificado, vai recorrer da decisão da Justiça Federal de Mato Grosso que determinou a prorrogação do prazo de inscrição para novos contratos do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

O juiz federal Raphael Cazelli de Almeida Carvalho acatou, ontem, em parte, uma ação civil pública movida pela Defensoria Pública da União solicitando “o imediato destravamento do SisFies [Sistema Informatizado do FIES], utilizado para realizar as inscrições para novas contratações” ou a imediata “disponibilização de meio alternativo de efetivação de inscrição no Fies”.

A ação foi motivada pela grande quantidade de alunos que não conseguiram efetivar a inscrição devido a mensagens constantes de erro no sistema.

Em sua liminar, Cazelli determinou que a União e o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) prorroguem o prazo de inscrição por tempo indeterminado para os alunos que tentavam ingressar no programa pela primeira vez e que também corrijam o funcionamento do SisFIES.

O juiz determinou, ainda, multa diária de R$ 20 mil caso o governo não cumpra a prorrogação do prazo. A medida vale para todo território nacional até nova decisão judicial.

Para o juiz, a ausência de inscrição no programa obrigaria os estudantes a assumir o custo total das mensalidades, “podendo acarretar na desistência do curso, constrangimentos contratuais perante as IES [Instituições de Ensino Superior], dificultando, senão inviabilizando, a continuidade do curso.”

sexta-feira, 1 de maio de 2015

[política] Henrique foca as atenções em Natal e Mossoró

Henrique Alves assumiu o ministério do Turismo, mas esquece a sua veia política. Pensando em 2016, ele foca as atenções em Natal e Mossoró.

Na capital, o líder bacurau propôs o alinhamento com o projeto de reeleição do prefeito Carlos Eduardo (PDT), mas indicando o vice. Lá pelo Oeste, Henrique se aproximar do grupo da ex-deputada Sandra Rosado e puxá-lo para o PMDB.
Fonte: Robson Pires

[economia] Progás é prorrogado por mais três meses no RN

A continuidade do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Industrial pelo Incentivo ao Gás Natural – Progás foi assegurada na noite desta quinta-feira (30), com a prorrogação do contrato que gere o incentivo no Rio Grande do Norte. O diretor-presidente da Potigás, Beto Santos, e o diretor de gás e energia da Petrobras, Hugo Repsold, assinaram o aditivo contratual para a prorrogação do programa por mais 90 dias, como primeiro passo para a renovação por mais 10 anos. A assinatura ocorreu na sede da Petrobras, no Rio de Janeiro, em uma reunião que contou ainda com a presença do deputado federal Fábio Faria e da procuradora do estado do RN, Heloísa Guerreiro.

O governador Robinson Faria, que acompanhou de Natal os entendimentos com a Petrobras, destacou que a renegociação para a garantir a manutenção do Progás vinha sendo uma das prioridades da sua gestão para a retomada do desenvolvimento econômico do Estado, desde janeiro. “O Progás é importantíssimo para a retomada do crescimento industrial. Atualmente, somente nas indústrias que já recebem esse incentivo, são gerados mais de 40 mil empregos. Sem falar que se trata de energia limpa”, ressaltou.

Segundo Beto Santos, com a assinatura da prorrogação por mais três meses, a Potigás e a Petrobras irão construir um novo formato de contrato para os próximos 10 anos, que seja sustentável para ambas as partes. “Teremos esse período para construirmos a nova formatação”, explicou.  Antes da prorrogação, o decreto em vigor se extinguiria hoje.

O Rio Grande do Norte é o único estado do Brasil com incentivo de gás natural às indústrias, através do Progás. O programa concede incentivos no volume de fornecimento do gás natural às indústrias que parte de 40% de desconto como subsídio. Foram beneficiadas as empresas Vicunha, Guararapes, Três Corações Natal, Sterbom, Rarus, Nortex, Três Corações Mossoró, Multdia, Cotem.
Fonte: Portal no Ar

[segurança] Governo do Estado promove vinte e dois oficiais da Polícia Militar

O Governo do Estado do Rio Grande do Norte publicou no Diário Oficial do Estado (DOE), de nº13.428, nesta sexta-feita (1), a promoção de vinte e dois 2º Tenentes ao posto de 1º Tenente PM do Quadro de Oficiais da Polícia Militar do RN, pelo critério de antiguidade. 

O ato de promoção foi retroativo ao dia 21 de abril de 2012 e seguiu em cumprimento ao Acórdão proferido no Mandado de Segurança com Liminar nº 2013.000210-7 (TJRN). 

Confira, abaixo, a lista dos militares estaduais promovidos neste sábado. Mais informações estão disponíveis no link http://www.diariooficial.rn.gov.br/dei/dorn/docview.aspx?id_jor=00000001&data=20150501&id_doc=494635
Fonte: Nominuto

[cotidiano] Grávida de 8 meses sofre com 'desejo': comer pedras

Você já ouviu falar em desejo de grávidas por chocolate, sorvete, pizza e algumas combinações estranhas, como cachorro-quente frio, mas o que está passando Silvia, de 21 anos, é digno de nota. A moradora de Nova York (EUA), não consegue se livrar de um desejo: comer pedras. 

Grávida de 8 meses, Silvia põe a sua saúde e a do bebê em risco ao sucumbir ao desejo bizarro, de acordo com a última edição do programa "My Extraordinary Pregnancy", da TLC. 

"Eu me sinto muito chateada, idiota e envergonhada, mas tenho que fazer isso (comer pedras)", afirmou a dona de casa. "Algumas grávidas comem picles ou sushi. Adoraria fazer isso", acrescentou. 

Mas ela não consegue. Comer pedras se tornou uma compulsão para Silvia. 

"Quando vejo certos tipos de pedra eu fico com água na boca", comentou ela.

[saúde] Mulher faz exame nos rins e descobre ter duas vaginas

Cassandra Bankson se tornou, nos últimos três anos, uma celebridade no YouTube ao divulgar tutoriais para esconder espinhas e marcas da acne com maquiagem. "Eu me achava a pessoa mais feia do mundo", disse a americana de 22 anos em uma entrevista ao site "Bustle". Com os truques e conselhos de maquiagem, Cassandra virou a página do bullying que sofria e se tornou referência no mercado estético. Seus vídeos são vistos por milhões de pessoas.

Agora, a mestre da maquiagem virou notícia por outra questão. E inusitada! Ao ir fazer um exame simples nos rins, Cassandra descobriu ter duas vaginas! 

Na verdade, a americana, que mora em São Francisco (Califórnia, EUA), tem apenas um rim. E duas vaginas. 

"Há abertura de apenas uma vagina, mas dentro há outra vagina, dois úteros, dois colos do útero e duas trompas de falópio", disse Cassandra, em reportagem do "Daily Mirror".

"Fiquei chocada, e o médico me explicou que é como se eu tivesse um nariz interno", acrescentou ela.

Cassandra não está impedida de ter filhos e tem vida sexual normal, mas a anomalia pode implicar problemas de saúde.

"Desde jovem eu ia a médicos porque sangrava por 28 dias, como se tivesse duas menstruações por mês. Eles nunca suspeitaram que tenho uma segunda vagina", comentou.

[educação] Escolaridade do brasileiro sobe 8 pontos percentuais em 10 anos, mostra pesquisa

A escolaridade do brasileiro subiu 8 pontos percentuais na última década, mostra pesquisa divulgada ontem (30) pelo Instituto Data Popular. Em 2003, 28% da população ocupada tinham o ensino médio incompleto ou completo. Em 2013, o percentual subiu para 36%. Já o total de trabalhadores com formação universitária completa aumentou de 12% para 14% em dez anos, enquanto o de trabalhadores com ensino fundamental incompleto ou completo diminuiu de 50% para 43%.

De acordo com a pesquisa, os trabalhadores também estão ganhando mais. O rendimento médio, em 2003, era R$ 1.305 e subiu para R$ 1.898, em 2013. O presidente do Instituto Data Popular, Renato Meirelles, disse à Agência Brasil que a renda do trabalhador aumentou, basicamente, em função da política de aumento real do salário mínimo que ocorreu no Brasil nos últimos dez anos e da expansão da escolaridade.

“Na prática, isso aumentou o salário base dessas pessoas. Teve o aumento da formalização e o aumento real do salário mínimo. Em paralelo a isso, a gente começou a ver o aumento da escolaridade média das pessoas, que ainda é aquém do que todos nós gostaríamos, mas foi um crescimento que veio para ficar”. Meirelles informou que hoje, 75% dos jovens trabalhadores do país estudaram mais do que seus pais.

Segundo o presidente do Data Popular, criou-se no Brasil um círculo virtuoso com alvo no aumento médio da escolaridade das pessoas, de um lado, ao mesmo tempo que mostra a importância efetiva de se ter uma política de valorização real do salário mínimo. “Porque muita gente conseguiu ter mais condições de estudo devido ao aumento da renda média em geral”.

Meirelles lembrou que anteriormente, os filhos paravam de estudar para ir trabalhar. Por isso, segundo ele, a existência dessa cultura de que a melhora da escolaridade era concorrente com o mercado de trabalho se estendeu por muitos anos. “Porque, para conseguir sustentar a família, as pessoas tinham que parar de estudar para trabalhar”. Esse modelo, disse, perpetuava a desigualdade. “Era como se quem nasceu pobre devesse ter profissão de pobre e quem nasceu rico, profissão de rico”.

O presidente do Data Popular destacou que o aumento da escolaridade mudou o acesso a profissões e empregos que antes eram exclusivos de pessoas que tinham “berço”, como se costumava designar, segundo ele, as pessoas de classe econômica mais alta. “Essas pessoas tinham melhores condições de estudo porque não eram obrigadas a parar de estudar para trabalhar”, sustentou.

De acordo com Meirelles, cada ano de estudo representa 15% a mais no salário médio das pessoas até a universidade. Meirelles enfatizou que quando os brasileiros passaram a entender que quem estudou mais ganha mais, as famílias deixaram de enxergar o estudo como concorrente do trabalho e passaram a entender o estudo como uma ferramenta estratégica para que eles melhorem de vida de forma sustentável.

A pesquisa mostra ainda que, com o aumento da renda, cresceu também o número de brasileiros ocupados que ingressou na chamada nova classe média. Em 2003, 44% pertenciam à classe média; esse percentual evoluiu para 53%, em 2013. Também o número de trabalhadores da classe econômica alta mostrou expansão, saindo de 17% para 33% na década. A consequência foi a redução da participação da classe econômica baixa entre o pessoal ocupado, de 39% para 14%.

O levantamento constatou também que, no período de dez anos, o trabalho feminino passou a ter uma formalização mais significativa. Na década analisada, aumentou a participação das mulheres no mercado de trabalho. Em 2003, 40% dos trabalhadores eram mulheres. Em 2013, o percentual subiu para 42%. “Você passou a ter duas fontes de renda dentro de casa”. Já a participação dos homens caiu de 60% em 2003, para 58%, em 2013.

Renato Meirelles ressaltou que a pesquisa constatou ainda que o trabalho é um valor para a sociedade brasileira. Não só o trabalho com a carteira assinada, mas o empreendedorismo. “Os brasileiros estão vendo que ter condições de se preparar melhor ou ter um filho melhor preparado para o mercado de trabalho é um bom plano de aposentadoria”. Ou seja, com o filho melhor preparado, com nível de escolaridade mais elevado, a família estaria com o futuro garantido.

[cotidiano] Tumblr da vez: Será que sua mãe sabe exatamente o que você faz no trabalho?

Já se perguntou se os seus pais sabem exatamente o que você faz no trabalho? Afinal, muitos cargos atuais são um pouco difíceis de explicar e nem sempre há tempo para contar todos os detalhes para eles.

Para testar os conhecimentos sobre a carreira dos filhos, o tumblr "Mãe, o que eu faço no trabalho?" sugere que os jovens profissionais perguntem a suas mães, via mensagens de celular, o que elas pensam que eles fazem diariamente. As respostas são publicadas juntamente ao real cargo dos remetentes. Confira uma das respostas.


E quem quiser participar, basta mandar o print da conversa para o e-mail oqueeufaconotrabalho@gmail.com.

[economia] Tributos sobre cerveja e refrigerante sobem 10% em maio

A partir desse mês, os tributos sobre as bebidas frias – refrigerantes, cervejas, energéticos e isotônicos – subirão 10% em média. O Diário Oficial da União publicou ontem (30) decreto que regulamenta o novo modelo de tributação para o setor.

De acordo com a Receita Federal, o repasse para os preços finais, no entanto, dependerá de cada fabricante. A lei com as mudanças na incidência e na cobrança de tributos havia sido publicada em janeiro, mas precisava ser regulamentada para entrar em vigor.

Até agora, o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), o Programa de Integração Social (PIS) e a Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins) eram cobrados com base em um sistema que cruzava uma tabela fixa de preços, o volume e a embalagem da bebida. Além de ter a complexidade criticada pelos fabricantes, o sistema exigia que a Receita Federal atualizasse periodicamente a tabela de preços que servia de base para as alíquotas.

Com o novo modelo as alíquotas serão fixas, e incidirão sobre o preço do produto. As bebidas frias pagarão 2,32% de PIS e 10,68% de Cofins na fabricação e na importação. As vendas no varejo pagarão 1,86% de PIS e 8,54% de Cofins. Cobrado na produção, o IPI corresponderá a 6% para cervejas e a 4% para as demais bebidas frias.

O decreto publicado hoje estabeleceu o conceito de cerveja especial e de chope especial, que pagarão menos IPI e PIS/Cofins. Comerciantes em início de atividade também serão beneficiados com desconto nas alíquotas.

De acordo com a Receita Federal, as alíquotas não eram atualizadas há dois anos. O governo espera arrecadar mais com o novo modelo. A expectativa é que a mudança acarrete receitas extras de R$ 868 milhões em 2015, R$ 2,05 bilhões em 2016, R$ 2,31 bilhões em 2017 e R$ 3,26 bilhões em 2018.

[humor] Dia do Trabalhador


quinta-feira, 30 de abril de 2015

[polícia] Jovem é encontrado morto na cidade de Alto do Rodrigues com as mãos amarradas

Corpo de jovem foi encontrado na manha de quinta feira 30 de Abril de 2015, nas proximidades do S7 base da Petrobras na cidade de Alto do Rodrigues Rio Grande do Norte.

O corpo do jovem ainda sem identificação foi encontrado amarrado com as mãos para trás e com perfurações de arma de fogo na cabeça.

Uma viatura da policia militar esta no local realizando o isolando até a chegada do Instituto Técnico e Cientifico de Policia que fara a remoção do corpo para sede do órgão em Mossoró.

Fonte: O Camera

[política] Câmara Municipal de Apodi realiza audiência para discutir UAB

A Câmara Municipal de Apodi realizou na manhã desta quinta-feira, 30 uma audiência pública, para debater a UBA – Universidade Aberta do Brasil, a proposição foi do vereador Laete Oliveira (PMN), tendo a participação de todos os vereadores, secretário de Educação do Município Caubi Torres, diretora da 13° Dired Mara Marlizete, professores e pessoas ligadas ao seguimento.

Laete Oliveira defendeu a instalação do pólo, premiando pessoas carentes do município, que não tem tempo para se deslocar até outros centros para cursar seus cursos, já que desde 2010 o município foi contemplado.

Mara Duarte, diretora da DIRED disse que recentemente esteve com o secretario estadual de educação Francisco Chagas, onde pediu empenho do mesmo nessa questão, ouvindo dele que não mediria esforços, já que o prazo de adesão expirou, sugerindo envio de um documento ao secretário para interceder nessa questão.

Um esforço coletivo está sendo feito em prol da instalação dessa universidade aberta, discutindo os caminhos a serem seguidos, criando um documento e encaminhando aos órgãos competentes.

[segurança] Trecho da BR 405 em Apodi está sem sinalização e provocando acidentes

Foto: Jair Gomes
Os moradores a margem da BR 405 nas proximidades da Pousada Vale Verde, em Apodi, vivem constantemente assombrados com a grande ocorrência de acidentes. Populares relatam que todas as semanas alguém é vitimado naquele trecho, seja ele pedestre ou condutores de veículos. 

É visível que a falta de sinalização tem contribuído muito para o aumento das estatísticas, falta placas, a sinalização no asfalto já está bastante apagada, uma antiga lombada que não foi coberta totalmente pela ultima camada de asfalto posta nesse trecho tem provocado inúmeros acidentes, seja ele pela falta de sinalização, tanto de placa informativa, como também no asfalto, onde falta as faixas amarelas indicando a lombada. Talvez os maiores prejudicados sejam os pedestres, infelizmente não tem-se uma faixa de travessia, moradores relatam que já presenciaram idosos demorarem até uma hora para fazer a travessia.

Destacamos aqui que não só a falta de sinalização é a causa de tantos acidentes, a imprudência dos motoristas e pedestres também tem sua parcela de responsabilidade. No entanto, o Departamento Nacional de Infraestrutura e Transporte - DNIT, é responsável pela obra.

[cotidiano] Homem que lava louça é mais feliz, diz pesquisa

Está na hora de ser um homem mais moderno, meus caros. Lavar a louça, passar a própria camisa e arrumar a cama antes de ouvir as reclamações da esposa ou da namorada. E, segundo um estudo divulgado pela Universidade Umeå, na Suécia, tudo isso ajudará (e muito) a sua saúde.

Após acompanhar de perto a vida de 723 pessoas ao longo de 26 anos, o estudo concluiu que aqueles que não dividiam os afazeres domésticos com a parceira tinham maiores problemas de saúde. Ansiedade, nervosismo e problemas de concentração eram alguns dos transtornos comuns aos, digamos, “preguiçosos”.

Por outro lado, aqueles que topavam fazer metade dos serviços, se apresentavam mais tranquilos e felizes. Na outra ponta, as mulheres que não contam com a ajuda masculina se tornam mais vulneráveis às doenças.

As complicações, afirma o estudo, acontecem por conta dos papéis assumidos por cada gênero dentro do relacionamento. A solução para que a vida em casal se saia melhor é conversar e eliminar essas barreiras. Então já sabe: a solução é botar a barriga para ralar na beira da pia!

[cotidiano] Min. das Cidades pagará 50% da dívida do Minha Casa às construtoras do RN

O ministro das Cidades, Gilberto Kassab, prometeu ao presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil do RN (Sinduscon/RN), Arnaldo Gaspar Júnior, que irá efetuar o pagamento de 50% das dívidas às construtoras responsáveis pelas obras do Minha Casa, Minha Vida no RN.  A reunião foi viabilizada pelo governador Robinson Faria após ligação para o ministro na terça-feira (28).

“O ministro se comprometeu em fazer o pagamento de 50% da dívida, um valor significativo, na segunda-feira (4). Ele irá estudar com a equipe técnica se consegue viabilizar o pagamento integral”, declarou Arnaldo Gaspar Júnior. A resposta sobre o pagamento integral foi prometida para quinta-feira (30) pela manhã.

O presidente do Sinduscon avaliou a reunião positiva em parte, elogiando a atenção de Kassab e da equipe técnica que estava presente. O deputado federal Fábio Faria (PSD) também participou e reforçou a necessidade da negociação.

“O ministro Kassab está ciente da gravidade, da importância do programa para o estado e das consequências, a paralisação e as demissões. Agora, disse a ele que não sei se vou conseguir reverter o quadro, que as empresas voltem a atuar. Ainda não conversei com os empresários para falar do resultado dessa reunião”, afirmou. Um encontrou irá acontecer amanhã à tarde com os proprietários das seis construtoras envolvidas, já com um posicionamento do ministro sobre o pagamento integral.

As empresas paralisaram nesta quarta-feira (29) a continuação das obras do programa federal no RN. A construção de mais de quatro mil unidades habitacionais estavam em andamento foram comprometidas e, com a suspensão das obras, 4.500 trabalhadores serão demitidos.

Sobre a demora do pagamento, Arnaldo Gaspar Júnior disse que o ministro das Cidades apontou a situação econômica do país como causador. “O Ministério depende do repasse Tesouro Nacional, do Ministério de Planejamento. Ele [Kassab] foi bastante transparente. É uma cadeia: as construtoras dependem da Caixa que faz o pagamento, que depende do Ministério das Cidades, que depende do Planejamento. É complexo”, ponderou.
Fonte: Portal no Ar

[saúde] Autoridades no RN tentam classificar doença que causa manchas vermelhas no corpo

O primeiro sintoma é semelhante às doenças com manifestações exantemáticas – manchas vermelhas espalhadas por todo o corpo – como é o caso da dengue, da chikungunya, rubéola e sarampo. Não há febre alta, mas em alguns casos, as articulações ficam inchadas ou doloridas e aparecem coceiras. A doença que já foi encontrada em 61 municípios potiguares, desde outubro de 2014, permanece sem classificação e é um mistério para a Secretaria de Estado da Saúde do Rio Grande do Norte (Sesap/RN).

A situação não é apenas local.  Há registros com os mesmos sintomas em nove estados do país – a maioria na região Nordeste. A subcoordenadora de Vigilância Epidemiológica da Sesap, Stella Leal, afirma que inicialmente os casos eram registrados como uma das outras doenças com manifestações exantemáticas. Entretanto chamou a atenção dos especialistas o fato de ela não se enquadrar nas definições preconizadas pelo Ministério da Saúde para as doenças das quais os médicos suspeitavam.

“Uma característica é que ela não apresenta febre, ou então tem uma febre baixa, o que não condiz com a dengue e a chikungunya”, explica Stella. Desde o último dia 22, a Sesap passou a notificar todas as secretarias municipais de Saúde do Estado para que os profissionais, ao se depararem com os sintomas, preencham uma ficha de notificação específica para a “síndrome exantemática a esclarecer”. Além dos dados colhidos, os médicos deverão pedir exames laboratoriais.

A partir dos dados e das amostras colhidas, o Estado espera pesquisar e descobrir o que está combatendo, qual o agente da doença e seus modos de transmissão. “Queremos saber se é um novo vírus, um novo agente, ou uma forma nova da dengue e de uma dessas outras doenças. Ainda não temos essas informações”, coloca.

Uma equipe do Programa em Epidemiologia Aplicada aos Serviços do Sistema Único de Saúde da Secretaria de Vigilância em Saúde do Governo Federal também está realizando um estudo no Estado. “Eles bucam os prontuários dos últimos 30 dias e a partir de uma amostragem, vão tentar descobrir essas informações. Inicialmente estamos contando com o laboratório central do Estado”, afirma Stella.

São casos suspeitos os que apresentam manchas vermelhas com ausência de febre ou febre baixa (até 37,5ºC) acompanhado ou não de prurido (coceira), artralgia (dores articulares) e edema Peri articular e que não se enquadram nas definições de casos de dengue, chikungunya, sarampo e rubéola.

Doenças exantemáticas

As doenças com manifestações exantemáticas são causadas por grande quantidade de agentes, entre os quais os vírus representam a maioria. As doenças que devem ser notificadas imediatamente são sarampo, rubéola, dengue e chikungunya. Os outros tipos, como eritema infeccioso, escarlatina e exantema súbito, entre outras, devem ser notificadas em situações de surtos.

Até o momento, dos casos suspeitos no Estado, 80,8% foram notificados para Dengue, 18,0% notificados para Chikugunya, 0,1% Sarampo e 1,1% Rubéola, de acordo com a Sesap.
Fonte: O jornal de Hoje

[cotidiano] Foragido é preso após curtir postagem de 'procura-se' no Facebook

Levi Charles Reardon estava sendo procurado pela polícia de Great Falls (Montana, EUA). Uma postagem na conta no Facebook do Crimestoppers (entidade que recebe denúncias sobre crimes e ajuda autoridades a resolvê-los) pedia informações que pudessem levar à prisão do americano de 23 anos. Levi Charles gostou do que viu na rede social e acabou curtindo a postagem. Assim, o procurado por roubo ajudou a polícia a rastreá-lo e prendê-lo. Simples assim.

[educação] "Sou professora e mereço bomba na cara?"

"Depois de 23 anos sendo professora, é isso que eu mereço: uma bomba na cara". O desabafo emocionado, em vídeo, é de uma professora da Secretaria de Estado da Educação do Paraná, que ficou com o rosto ferido após confronto entre policiais militares e educadores em manifestação repreendida violentamente nesta quarta-feira (24/9), em Curitiba.


A direção do Sindicato dos Professores do Paraná (APP-Sindicato) classificou como “truculenta” a ação da Polícia Militar (PR) do estado durante protesto da categoria e de outros servidores estaduais contra o projeto de lei que altera a previdência do estado. Segundo o sindicato, participaram do protesto 20 mil pessoas. A PM não divulgou o número de manifestantes.

Em greve desde segunda-feira, os professores da rede estadual de ensino e de universidades estaduais estão acampados em frente à Assembleia Legislativa do Paraná. A Polícia Militar traçou um perímetro de isolamento, com grades e policiais, em torno da Assembleia Legislativa. Outras categorias também protestaram, mas os professores representam 70% do funcionalismo estadual.

Pelo menos 170 manifestantes ficaram feridos, segundo a prefeitura de Curitiba e o Tribunal de Justiça do Paraná, onde ocorreram os primeiros atendimentos. Dentre eles, 45 foram levados para unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e hospitais da região.

A Secretaria de Segurança Pública do Paraná diz que 20 policiais ficaram feridos. “A reação, a agressão, não partiu dos policiais. Os policiais ficaram parados para proteger o prédio da Assembleia Legislativa. Na medida que eram impedidos, reagiram. A polícia não partiu para cima dos manifestantes uma única vez. Tem filmes que comprovam o que estou dizendo”, disse.

Segundo a Secretaria de Segurança será aberto Inquérito Policial Militar, com participação do Ministério Público, para apurar as ações durante a confusão.

[economia] Estado paga funcionalismo nesta quarta e quinta-feira

O Governo do Estado, através da Secretaria de Estado do Planejamento e das Finanças (Seplan) começou a pagar nesta quarta-feira, 29, a folha dos servidores estaduais. Os funcionários inativos e pensionistas amanheceram hoje com o pagamento na conta. Amanhã, 30 de abril, será a vez dos funcionários ativos. O pagamento dos servidores do Estado dentro do mês trabalhado é uma obrigação de todo e qualquer Governo. Para o governador Robinson Faria, o empenho do Estado em honrar seus compromissos tranquiliza os servidores e toda a população do Rio Grande do Norte. 

[educação] Termina hoje prazo para solicitar o Fies

Termina hoje (30) o prazo para adesão de contratos do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). Para obter o financiamento, os candidatos devem acessar o Sistema Informatizado do Fies (SisFies). De acordo com o último balanço do Ministério da Educação (MEC), foram firmados 249,9 mil contratos.

Os candidatos devem ter obtido pelo menos 450 pontos na média das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e não podem ter tirado 0 na redação. O MEC diz que está monitorando o sistema para garantir o pleno atendimento a quem ainda pretende fazer a inscrição. A orientação, em caso de dúvida, é entrar em contato com a central de atendimento, pelo telefone 0800 616161.

Segundo os critérios divulgados pelo MEC, os estudantes que pleiteiam financiamento em cursos nota máxima nas avaliações da pasta, que é 5, têm mais chance de obter o financiamento, pois todos as vagas ofertadas pela instituição de ensino serão atendidas. 

Para o financiamento de graduações com notas 3 e 4 serão considerados alguns aspectos regionais, com prioridade para localidades e cursos que historicamente foram menos atendidos.

O estudante pode consultar a nota do curso na internet, no portal e-MEC. Basta clicar no estado, selecionar a instituição de ensino e em seguida a graduação. 

Já os estudantes com contrato vigente têm até o dia 29 de maio para fazer a renovação, também pelo SisFies. Ainda faltam ser aditados 156,9 mil contratos.

O Fies oferece cobertura da mensalidade de cursos em instituições privadas de ensino superior a juros de 3,4% ao ano. O estudante começa a quitar o financiamento 18 meses após a conclusão do curso. O programa acumula 1,9 milhão de contratos e abrange mais de 1,6 mil instituições. 

quarta-feira, 29 de abril de 2015

[segurança] Grave acidente ceifa vida de cidadão apodiense na BR 405

Na noite de hoje (29) a pessoa conhecida como Dão Baralho, funcionário público apodiense morreu em um grave acidente motociclístico. Segundo informações ele vinha da região da Chapada do Apodi em direção ao centro da cidade na BR 405, aproximadamente em frente a água mineral Cristalina do Oeste.

Além de funcionário público Dão era moto-taxista e gostava de cantar serestas com seu irmão, Roberto Cruz. Dão deixa esposa e dois filhos.

A imagem foi registrada no último show do brega realizado no Bairro IPE em Apodi.

[política] Kelps pede a deputados que assinem moção de repúdio contra fim do Exame da OAB‏

O deputado Kelps Lima está pedindo aos 24 deputados da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte que assinem uma Moção de Repúdio contra a iniciativa que tramita no Congresso Nacional de acabar com o Exame de Ordem da OAB.

Kelps é contra o fim do exame de ordem e acha a simples tramitação deste projeto no Congresso algo temerário para a sociedade brasileira.

“O advogado cuida das vidas das pessoas. O Exame de Ordem garante que nenhum advogado mal formado assuma os interesses dos brasileiros e leve a sociedade à fragilidade jurídica. ”

Foto: João Gilberto.

[cotidiano] Foi zoar o Juiz e se deu mal

A norte-americana Penelope Soto estava sendo julgada por porte de drogas quando resolveu fazer gracinha com o juiz, por ser questionada sobre seus pertences pessoais, mas o que ela não esperava era que sua atitude fosse render mais problemas para ela.

Veja a cena:



[economia] Ministério do Turismo libera recursos para a orla e melhorias de vias turísticas de Natal

Dois projetos em execução pelo Ministério do Turismo vão ajudar Natal a melhorar a infraestrutura da cidade para visitantes e moradores locais. A restauração de corredores turísticos, no valor de R$ 7,8 milhões e reurbanização da orla marítima no trecho entre as praias de Ponta Negra e do Forte, no valor de R$ 13 milhões, foram a pauta da reunião entre o ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, e o prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves.

"São obras importantes para a cidade. Gastamos entre R$ 6 milhões e R$ 8 milhões por ano em operações tapa-buracos", comentou o prefeito. Entre as vias e pontos turísticos beneficiados pelo projeto de restauração asfáltica estão a Afonso Pena, Avenida Café Filho, Via Costeira; praias do Forte, Meio e Artistas; e centros de Convenções e de Artesanato.

"Quero fazer do turismo, cada vez mais, uma plataforma de desenvolvimento econômico, geração de emprego e distribuição de renda. Para isso, a infraestrutura adequada é fundamental", afirmou Henrique Alves. Dos R$ 7,8 milhões previstos no projeto, o Ministério do Turismo liberou R$ 300 mil. Os pagamentos são feitos via Caixa Econômica Federal, responsável pelas liberação dos recurso de acordo com o andamento da obra. 

O outro item da pauta foi a reestruturação da orla das praias de Ponta Negra e do Forte. Dos R$ 13 milhões previstos para o projeto, R$ 10 milhões já foram liberados pelo MTur. O projeto também é gerido pela CEF e os pagamentos são feitos mediante medições do andamento da obras. 

Além do prefeito de Natal, o ministro recebeu seis deputados, o presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Marco Polo Del Nero, e José Luiz Meighini, presidente da Inframérica, concessionária aeroportuária que administra, entre outros aeroportos, o Aluízio Alves (Natal/São Gonçalo do Amarante). "Vou fazer uma gestão ampla e transparente. O meu gabinete estará constantemente de portas abertas para todos aqueles que querem fazer um turismo melhor" afirmou o ministro.
Fonte: Nominuto

[cotidiano] Apresentadora de TV venezuelana revela fantasias com Cristiano Ronaldo e tira a roupa

Famosa apresentadora de TV da Venezuela, a bela modelo Yuvi Pallarés ficou conhecida internacionalmente por comandar um programa em que passa as notícias mais picantes do dia enquanto vai fazendo um striptease, até ficar completamente nua. Na última edição do Desnudando la notícia, a musa venezuelana se despiu ao falar do atacante português Cristiano Ronaldo.

Pallarés comentava a história contada pela chilena Daniella Chavez, ex-coelhinha da Plaboy, que revelou suas fantasias com o português, e ao mesmo tempo ia tirando o seu shorts e também um top branco, suas únicas vestimentas usadas para a presentar o programa (assista no vídeo abaixo).

[cotidiano] Assobio e investidas de pedreiros geram inquérito sobre assédio sexual

Assobiar para uma mulher na rua é um hábito frequente de muitos homens, mas na Inglaterra ele não saiu barato para um grupo de pedreiros.

Poppy Smart, uma jovem de 23 anos passava por uma construção todos os dias no caminho para o trabalho e, depois de um mês sendo incomodada por assobios e outras investidas dos operários, ela foi à polícia denunciar a atitude dos pedreiros como assédio sexual.

O caso ocoreeu na cidade de Worcester, no oeste da Inglaterra. A polícia local disse à BBC que está investigando o caso.

"Todo dia eu passava ali, e eles assobiavam. Eles chegavam até a sair da construção para assobiar conforme eu ia passando", contou Poppy.

"Um deles uma vez parou na minha frente e disse 'Bom dia, meu amor', mas de uma forma muito agressiva e outro zombou."

"Eles chegaram a bloquear a calçada e eu tive que andar em volta deles", relatou a jovem.
Poppy chegou a adotar estratégias para ao menos não precisar ouvir os assédios. Ela conta que começou a ir para o trabalho de óculos escuros e fones de ouvido "para não escutar os pedreiros".

"Mas chegou um dia que eu cansei."

Foi então que ela chamou a polícia e denunciou os pedreiros. "A situação me deixava muito constrangida e desconfortável e o fato de eles terem continuado por todos os dias foi o que me levaram a fazer a denúncia", disse.

"Se tivesse sido um incidente isolado – uma, duas, três ou quatro vezes – provavelmente simplesmente deixaria passar, porque essas coisas acontecem e infelizmente você acaba aceitando essa atitude ignorante."

Além de falar com a polícia, Poppy também procurou o dono da construção para contar o que acontecia com ela todos os dias. "Ele se desculpou. Obviamente, ele não pode controlar todo mundo da equipe que trabalha para ele."

"Eu só queria que eles percebessem o quanto isso é ofensivo e queria que eles parassem", desabafa.

Mas a jovem diz que é importante falar e não simplesmente "aceitar" que isso acontece como uma coisa normal.

"É algo com que eu tive de me acostumar, como muitas mulheres tiveram. Acho que é algo extremamente ultrapassado. E acontece com muitas amigas minhas e também com um monte de mulheres e nós simplesmente aprendemos a lidar com isso como algo natural", disse.

"Se você quer se aproximar de alguém porque se interessou nela, faça de uma maneira respeitosa. Não simplesmente assobie para elas como se fossem um pedaço de carne. Não é justo, isso só vai intimidá-las e elas não vão fazer nada com vocês."

[educação] Convite para Audiência Pública


[economia] Metade da população brasileira não tinha acesso à internet em 2013, indica IBGE

Pouco mais da metade da população brasileira com 10 anos ou mais de idade não tinha acesso à internet em 2013. O suplemento da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) 2013 sobre as Tecnologias de Informação e Comunicação, divulgado hoje (29) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), aponta que 50,6% das pessoas nessa faixa etária não haviam usado internet nem uma vez nos últimos 90 dias que antecederam o dia da entrevista.

Em 48% dos 65,1 milhões de domicílios particulares havia internet, sendo o microcomputador o principal meio de acesso (88,4%). O acesso via telefone móvel estava presente em 53,6% dos domicílios, enquanto o tablet, em 17,2% deles.

Em 97,7% dos domicílios a banda larga era o meio de conexão com a rede, sendo que 77,1% conectavam-se em banda larga fixa e 43,5% em banda larga móvel.

De acordo com a técnica da Coordenação de Trabalho e Renda do IBGE, Jully Ponte, o Brasil está abaixo da média dos países da Europa e da América no acesso à internet. “O Brasil tem média superior à de países do Oriente Médio e da África. Há, sim, capacidade de expansão da utilização da internet no Brasil, já que a média dos países da América é superior à nossa, embora as bases de comparações sejam diferentes.”

O acesso à internet feito exclusivamente por celular ou tablet superou o microcomputador em Sergipe (28,9% por telefone celular/tablet e 19,3% por computador), Pará (41,2% e 17,3%), Roraima (32% e 17,2%), Amapá (43% e 11,9%) e Amazonas (39,6% e 11,1%).

Sobre a frequência no uso da internet, o dados revelam que mais de 50% dos domicílios com renda de um a dois salários mínimos utilizavam a internet com frequência. Revelam também que navegar pela rede foi mais frequente entre jovens de 15 a 17 anos (75,7%) e cresceu com a escolaridade, variando de 5,4%, na população sem instrução ou com menos de um ano de estudo, até 89,8%, entre as pessoas com 15 anos ou mais de estudo.

Em todos os grupos compreendidos na faixa de 10 anos a 39 anos de idade, o uso da Internet ultrapassou 50%. Os percentuais decresceram com o aumento da idade, sendo que a menor proporção foi observada entre as pessoas de 60 anos ou mais de idade (12,6%).

A carioca Zilda Ferreira Fernandes, de 76 anos, faz parte deste grupo. “Minha filha que mora em São Paulo tem uma pequena empresa e trabalha com internet e sempre lidou com isso. Assim que vi um computador, me encantei e logo comprei um para mim. Fiz dois cursos de informática que não me serviram para nada, aprendi mesmo na prática”, contou ela. O computador ela quase não usa. “Uso mais o celular e o tablet. Tenho Whatsapp, e-mail, Skype, tudo no meu celular. Não me imagino hoje sem internet. É muito pratico: vejo saldo e extrato do banco pela internet. Só faço compras pela internet.”

Zilda lamentou o baixo percentual de idosos usando a internet e saber que é exceção entre o público da sua faixa etária. “A maioria dos idosos têm medo da mudança, têm pavor de chegar perto de um computador, acham que é um bicho de sete cabeças. Mas quem aprendeu a datilografar, aprende a digitar e por aí vai. É tão bom, tem muita coisa para distrair”, completou.

A pesquisa mostra também que quase um quarto da população brasileira (24,8%) não tinha telefone celular em 2013. Quanto menores os rendimentos e a escolaridade, mais comum a ausência do aparelho móvel: 50,9% na faixa de rendimento per capita até um quarto do salário mínimo e 60,2% das pessoas sem instrução ou com menos de um ano de estudo.

Sobre aparelhos de televisão, a pesquisa informa que em 97,7% dos domicílios havia pelo menos um aparelho, sendo 61,6% deles de tubo. Cerca de 31% das famílias recebiam sinal de TV aberta, 38% por antena parabólica e 33% por assinatura na área urbana. A antena parabólica foi mais comum nas áreas rurais (78,3%) e nos domicílios com menor renda (48,8% dos domicílios sem rendimento a um quarto do salário mínimo). A TV por assinatura foi o principal sinal em 74,9% dos domicílios com rendimento acima de cinco salários mínimos.

Esta é a terceira edição do suplemento, elaborado em convênio com o Ministério das Comunicações.

[economia] Percentual de brasileiros com celular cresceu 131,4% entre 2005 e 2013, diz IBGE

Quase um quarto da população brasileira (24,8%) não tinha telefone celular em 2013, embora o percentual de pessoas com celular tenha avançado 131,4% (73,9 milhões de pessoas), desde 2005, e alcançado 130,176 milhões de pessoas no ano de referência da pesquisa. Os dados são do suplemento da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) 2013 sobre as Tecnologias de Informação e Comunicação, divulgado hoje (29) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em relação a 2008, o aumento foi 49,4% (43 milhões de pessoas).

A ausência do celular era mais comum entre as pessoas com menores rendimentos (50,9% na faixa de rendimento per capita até um quarto do salário mínimo), baixa escolaridade (60,2% das pessoas sem instrução ou com menos de um ano de estudo) e trabalhadores agrícolas (48,9%).

Em uma análise regional, os dados revelam que o Centro-Oeste (83,8%) registrou, em 2013, a maior proporção de acesso ao celular, seguido das regiões Sul (79,8%) e Sudeste (79,5%). O Norte (66,7%) e o Nordeste (66,1%), embora tenham registrado as menores proporções, são as regiões onde mais cresceu o acesso a um celular na comparação com os dados de 2005, quando o Norte tinha 26,4% da população com acesso a celular e o Nordeste, 23,9%.

O Distrito Federal (89,4%) foi a unidade da Federação com maior percentual de pessoas com celular, em 2013, seguido de Mato Grosso do Sul (83,5%) e Goiás (83,4%). Os menores percentuais de acesso foram registrados no Maranhão (52,3%) e no Piauí (62,6%). Na comparação entre 2005 e 2013, as unidades da Federação onde mais variou o percentual de acesso a celular foram Tocantins (de 27% para 74,6%), Paraíba (de 26,2% para 73%), Bahia (de 21,2% para 67,0%), Piauí (de 16,8% para 62,6%) e Roraima (de 24,6% para 69,6%).

De acordo com os dados da pesquisa, a posse de telefone móvel celular era maior entre as mulheres (75,9%), do que entre os homens (74,4%), em 2013. No Sudeste (79,8%, e no Sul (80,2%), no entanto, a proporção de homens com telefone celular era maior que a de mulheres (79,2% e 79,3% respectivamente).

O suplemento revela ainda que a posse de celular cresceu em todas as faixas de idade a partir de 10 anos a 14 anos (49,9%), atingindo a maior proporção no grupo de idade de 25 anos a 29 anos (87,3%), caindo entre os idosos com mais de 60 anos (51,6%).